Home » Suplementar BCAA durante a gravidez faz mal?

Suplementar BCAA durante a gravidez faz mal?

Bcaa faz mal para grávida?
3 minutos de leitura

Nem todos os suplementos são recomendados durante a gravidez. Por isso dúvidas são comuns mesmo entre aqueles suplementos que na verdade trazem benefícios ao período

Os aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA), apesar de serem considerados polêmicos no mundo da nutrição esportiva, são seguros para serem suplementados durante a gravidez, trazendo muitos benefícios.

Benefícios da suplementação de BCAA na gravidez 

A suplementação de BCAA vem sendo descrita pelos estudiosos como positiva para mães com boa saúde e também para aquelas que tiveram uma gestação complicada. Como por exemplo parto prematuro e outras complicações durante o período. 

Apesar de ainda serem estudos iniciais, nos permite sugerir alguns benefícios importantes para as mamães e seus bebês.

Os principais benefícios da suplementação do BCAA durante a gravidez e amamentação para as mamães e seus bebês são:

  • Produção de leite durante todo o período de amamentação;
  • Ajuda o bebê a ficar com um peso adequado para a idade;
  • Aumenta a quantidade de proteínas no leite. 
  • Ajuda a ter os nutrientes necessários para um bom desenvolvimento do bebê.

Benefícios do BCAA para a amamentação

A principal relação do BCAA envolve a produção e qualidade do leite materno. Pois os aminoácidos presentes no suplemento são os principais componentes do leite materno.

Além de estarem relacionados diretamente com a produção de outros aminoácidos com importantes funções no nosso organismo. Como por exemplo glutamato, glutamina, alanina e aspartato, que são importantes para o bom desenvolvimento fetal, produzidos pela glândula mamária.

Além de atuar na produção desses aminoácidos, o BCAA também atua na saúde das glândulas mamárias, que é a responsável pela produção do leite.

Para a glândula mamária ser capaz de produzir o leite, é necessário que outra célula esteja ativa e a todo vapor, a célula epitelial mamária. Pois a célula epitelial mamária é a responsável por enviar enviar um sinal à glândula mamária para iniciar a produção do leite durante o período da gravidez e durante toda a fase da amamentação.  

Para a célula epitelial mamária o BCAA é usado para produzir energia para o nosso organismo transportar nutrientes. Além de também ser capaz de produzir proteínas e gorduras essenciais ao leite materno. 

Ou seja, o BCAA está envolvido diretamente com as principais células responsáveis pela produção e qualidade do leite durante o período da gestação e amamentação.

Recomendação de BCAA durante a gravidez 

Como mencionado anteriormente, a suplementação de BCAA para a melhora da produção e qualidade do leite materno durante a gravidez ainda estão sendo estudados. 

Por esse motivo, ainda não podemos mencionar com certeza qual a melhor dose para suplementação durante o período. Porém, uma consulta ao seu médico e nutricionista pode te trazer essa resposta baseado no seus hábitos alimentares, idade e peso.

Quer saber mais?

Referências:

LEI, Jian et al. Nutritional and regulatory role of branched-chain amino acids in lactation. Front Biosci, v. 17, n. 725, p. 722, 2012.

REZAEI, Reza et al. Amino acids and mammary gland development: nutritional implications for milk production and neonatal growth. Journal of animal science and biotechnology, v. 7, n. 1, p. 20, 2016.

Nutricionista e Mestre em Ciências pela UNIFESP.

Experiência acadêmica em pesquisa científica. Atua como professora convidada em cursos de graduação e pós graduação na área da saúde.

Profissional com sólida formação em pesquisa e inovação. Atua na interseção entre o desenvolvimento de produtos com base em ciências e inovação para a saúde, e o marketing de conteúdo.

Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *