Como escolher um bom suplemento de ômega 3? Veja dicas

| | ,

O ômega 3 é um suplemento que vem ganhando cada vez mais espaço no mercado, por conta de seus benefícios comprovados para o corpo humano. Mas talvez você fique na dúvida de como comprar um produto de qualidade. Confira algumas dicas que vamos te dar agora para escolher um bom ômega 3.

Concentração de DHA e EPA no suplemento de ômega 3 

Um bom suplemento de ômega 3 é aquele que tem as maiores concentrações de DHA e EPA (tipos de ômega 3), em suas cápsulas. Você tem que estar atento a isso, pois nem tudo que vem dentro de uma cápsula de um produto é ômega 3,  de fato, existem outras gorduras que são adicionadas ao suplemento.

Portanto, quando você for comprar, procure um suplemento que tenha a maior concentração ômega 3 dentro de uma cápsula. Bons produtos costumam ter uma concentração de DHA e EPA, em torno, de 60%.

Confira a quantidade de cápsulas por dose

A quantidade indicada de ômega 3 que você deve tomar por dia é de 1200 mg, mas uma cápsula tem capacidade máxima de 1000 mg, então, não é possível tomar a quantidade total ingerindo apenas uma cápsula diariamente.

 Por isso, busque por produtos que oferecem essa concentração de ômega 3 em no máximo duas cápsulas, para você não ter que consumir muitas ao longo dia. 

Uma dica: tome cuidado com marcas que colocam em seu rótulo “Ômega 3 concentrado”, porque qualquer produto pode ser considerado concentrado se obedecer as regras da Anvisa, de ter 1200 mg da gordura no produto. Então, esse título não significa que determinado produto tem uma maior qualidade em relação aos outros.

Vitamina E

Quando for comprar um suplemento de ômega 3, dê preferência para aqueles produtos que contenham, em sua composição, Vitamina E. Esse nutriente, que é solúvel em gordura, vai ajudar a conservar e manter a qualidade do ômega 3 por mais tempo.

Suplemento de ômega 3 com garantias de pureza

Como a grande maioria dos suplementos de ômega 3 é feito com óleo de peixe, existe o risco de alguns produtos estarem contaminados com metais pesados, já que muito lixo é descartado nos oceanos e os peixes podem se contaminar. Um exemplo de metal pesado é o mercúrio, pode fazer mal à sua saúde, a longo prazo. 

Para evitar isso, opte por marcas que tenham selos que garantam sua pureza e afirmem que o produto é livre de metais pesados, e assim evite tomar algo que pode ser prejudicial para seu corpo. E consiga aproveitar apenas os benefícios do suplemento.

Um exemplo de selo de garantia de qualidade e pureza do produto de ômega 3, é o selo IFOS. 

Embalagens do suplemento

Para a manutenção da qualidade do produto, o ideal é que ele venha em embalagens opacas, pois a exposição á luminosidade e umidade pode comprometer a qualidade do produto. Então, evite embalagens transparentes.

Suplemento de ômega 3: TG ou EE?

Você encontra o suplemento de ômega 3 em dois formatos distintos: triglicerídeos reesterificados (TG) ou etil éster (EE). Mas calma, o que você precisa saber sobre esses nomes complicados é que são duas formas de apresentação do ômega 3.

E quando você for comprar, saiba que o formato TG promove uma melhor absorção do ômega 3 no nosso corpo. 

Esperamos que essas dicas tenham te ajudado a escolher um suplemento de ômega 3 de qualidade, mas se ficou alguma dúvida, pode perguntar para a gente!

Quer saber mais?

 
Anterior

Quando posso tomar colágeno? Nutricionista explica

Verisol ou Bodybalance, qual tomar?

Próximo

Deixe um comentário