A inclusão de suplementos proteicos para adequar a alimentação é um hábito muito comum no dia a dia de nutricionistas e outros profissionais que trabalham com nutrição. Esses suplementos ajudam a equilibrar o consumo de proteínas em indivíduos com baixa ingestão proteica ou, por algum motivo, contam com necessidade nutricional maior do mesmo em sua alimentação.

Um suplemento proteico amplamente utilizado é o whey protein, em sua forma concentrada. Que tal aprender mais sobre o whey protein concentrado, como utilizar e seus benefícios para a saúde?

O que é whey protein?

O whey protein é um suplemento alimentar de proteína desenvolvido a partir do soro de leite integral da vaca. Ele é, basicamente, a proteína encontrada nesse soro e que tem valor biológico alto (o que significa que o nosso corpo consegue utilizá-la de maneira muito eficiente na reposição do consumo de proteína).

Existem três tipos clássicos de whey protein que você pode encontrar para levar para a casa: o hidrolisado, o isolado e o concentrado. Todos eles são oferecidos, tradicionalmente, na forma de pó, para ser diluído em água ou adicionado nas receitas do dia a dia para aumentar o valor proteico consumido por um indivíduo.

O que é o whey protein concentrado?

O whey protein concentrado é o tipo de whey mais encontrado no mercado. Ele é tão popular por conta de seu baixo custo de aquisição em relação aos outros, e também por ter boa eficiência na função de repor a ingestão proteica diária.

A principal diferença do whey protein concentrado para os outros whey proteins é sua concentração de proteína de soro do leite. No whey concentrado, cerca de 70 a 80% de sua composição é feita de proteína de soro do leite. Os outros 20 a 30% são compostos por lipídeos e carboidratos. Essa composição permite que o valor de produção do suplemento seja mais baixo (já que as proteínas são mais “caras”), mas que ele consiga garantir um bom resultado na hora de aumentar a ingestão proteica de um indivíduo.

Outra característica importante do whey protein concentrado, quando comparado com os outros tipos de whey, é a sua velocidade de absorção pelo corpo. Por contar com concentrações de carboidrato e proteína, esse whey tem uma absorção discretamente mais lenta do que as versões hidrolisadas ou isoladas. Mas isso não significa que ele é inferior no aspecto nutricional.

Para quem o whey protein concentrado é indicado?

O whey protein concentrado é indicado para qualquer tipo de pessoa que tenha uma ingestão proteica insuficiente ou elevada necessidade nutricional de proteína.

Por isso, praticantes de exercícios físicos, pessoas que consomem pouca proteína e até mesmo indivíduos com algum tipo de deficiência nutricional por conta de um quadro clínico, podem utilizar whey protein concentrado.

O whey concentrado só não deve ser usado quando é necessário a reposição imediata do volume proteico após a ingestão. Nesses casos, as versões hidrolisadas e isoladas são as melhores alternativas.

O que a ciência diz sobre o uso do whey protein concentrado?

A aplicação do whey protein na alimentação de quem tem demanda proteica elevada já é amplamente conhecida pela ciência da nutrição e medicina moderna. Por isso, inclusive, esse é um dos suplementos mais populares para a reposição de ingestão de proteína em diversas situações.

Além de boa fonte de aminoácidos de alto valor biológico, o whey protein é uma ótima opção para garantir a ingestão de vitamina B12, cálcio e outros minerais importantes encontrados no leite, classificando esse suplemento como uma opção nutricionalmente importante para quem precisa utilizar complementos alimentares. 

Não apenas para garantir o consumo adequado de proteínas, o whey protein também é um suplemento que pode favorecer outros aspectos da saúde humana. Um bom exemplo é o fortalecimento do sistema imunológico, como apontado em uma revisão da literatura feita nos anos 2000.

Nessa revisão, o autor mostra que a suplementação de whey protein pode auxiliar indivíduos imunossuprimidos, visto que as proteínas do leite contém imunoglobulinas bovinas, que são similares às humanas (que encontramos no leite materno). Por serem ricas em cisteína e glutamato, elas podem auxiliar na modulação de várias situações de estresse.

Outra utilização importante do whey protein concentrado, já corroborado pela ciência, é seu uso no tratamento de câncer. Exatamente por conta de sua concentração de imunoglobulinas bovinas, o whey pode servir como um fornecedor de cisteína, que é o aminoácido que atuaria na modulação de células cancerígenas, com um efeito anti-tumoral, reduzindo a velocidade de avanço dessa doença.

Como posso tomar o whey protein concentrado?

O uso de qualquer suplemento alimentar, inclusive o whey protein, demanda a avaliação por um profissional especialista em nutrição, como um nutricionista ou um nutrólogo. O motivo dessa avaliação é que apenas esse profissional é capaz de avaliar o perfil nutricional do paciente e indicar, não apenas se ele realmente precisa de utilizar esse tipo de suplemento, como em qual frequência e volume.

Por isso, se você tem pensado em utilizar o suplemento, é importante conhecer em quais situações precisará contar com suas características nutricionais. A partir daí poderá escolher dentre as opções de sabor (que hoje são várias) do produto que vai adicionar na sua alimentação e até mesmo como fazer para introduzi-lo na sua rotina.