Pular para o conteúdo
Home » Estudo mostra qual a melhor marca de ômega 3 importado

Estudo mostra qual a melhor marca de ômega 3 importado

Ômega 3 melhores marcas importadas
4 minutos de leitura

O ômega 3 é uma gordura essencial para o nosso corpo, ou seja, não produzimos ele, mas precisamos consumir através da alimentação, pois tem funções e benefícios importantes para nossa saúde. No entanto, o consumo de alimentos fontes de ômega 3 é escasso para a maioria da população. 

Por esse motivo, o suplemento de ômega 3 é um dos mais consumidos atualmente. Sua matéria-prima é o óleo de peixe, e a qualidade da mesma influência na qualidade do produto. Para saber essa informação, procure se o produto tem selos de qualidade do ômega 3, principalmente o IFOS e FSSC 22000 (INTERTEK GROUP).

O ômega 3 é considerado importado quando a matéria prima utilizada na formulação do suplemento é importada. Como é o caso do Ômega 3 Vhita, por exemplo, que possui sua matéria prima importada diretamente da Noruega.

No entanto, para um suplemento de ômega 3 ser considerado importado, não significa que todo seu processo de fabricação foi fora do Brasil.

Ao realizar a importação da matéria-prima, porém com os demais processos nacionais, os preços ficam mais baixos e se mantém a qualidade internacional, trazendo benefícios ao consumidor.

Selos de qualidade do ômega 3 importado

Os selos de qualidade são certificados obtidos a partir da análise do produto por organizações não vinculadas às marcas de suplementos. Essa análise comprova se a matéria prima é de qualidade, com objetivo de mostrar para o consumidor que se trata de um suplemento seguro.

Um dos pontos importantes dessa averiguação é verificar a presença de metais pesados, para garantir que aquele suplemento não oferece nenhum risco à saúde. A presença de outros contaminantes também é analisada, como químicos, mercúrio, bactérias e vírus. 

Além de garantirem a segurança do produto, as certificações também analisam se a composição do ômega 3 é boa. Bons suplementos precisam de boas concentrações de EPA (ácido eicosapentaenoico) e DHA (ácido docosa-hexaenoico). Ambos fazem parte do grupo “ômega 3”, e quanto maior a quantidade de EPA e DHA, melhor a qualidade do produto.

Outro adicional da certificação, é garantir que a matéria prima foi obtida de forma sustentável. Como o ômega 3 vem do óleo de peixe, os fornecedores da matéria prima precisam ser empresas de pesca regulamentadas, promovendo ações de preservação das espécies pescadas.

Os selos de qualidade podem ser encontrados na embalagem do produto ou no site da marca. Caso essa informação não esteja exposta nesses dois locais, você pode solicitar via email ao lojista ou fabricante.

Na imagem abaixo, comparamos as principais marcas do mercado e quais apresentam certificados de qualidade. Foram buscados pelos principais selos de qualidade, sendo eles IFOS, FSSC 22000, PRONOVA PURE e HALAL.

Marca com maior concentração de ômega 3 importado

A concentração do ômega 3 no suplemento é a soma da quantidade de EPA e DHA em cada cápsula. Essa informação é disposta na tabela de composição nutricional do produto. Quanto maior essa concentração, melhor o suplemento.

Exemplo: se uma cápsula pesa 1000 mg de óleo de peixe e a soma de EPA e DHA é 700 mg, o suplemento tem uma concentração de 70% de ômega 3. E os 30% restantes da cápsula, são de outras substâncias.

A recomendação diária de ômega 3 de acordo com os estudos científicos é de 1400mg de EPA+ DHA. Devemos procurar a marca que atinge essa quantidade no menor número de cápsulas.

Exemplo: Se uma cápsula de 700mg de EPA e DHA, o consumo diário para atingir a recomendação de 1400mg são 2 cápsulas.

Veja a comparação entre as marcas:

Relação do preço com a qualidade do ômega 3 importado

O preço de um suplemento de ômega 3 está diretamente relacionado com os itens apresentados anteriormente, que refletem a sua qualidade. Nesse caso, precisamos encontrar o produto que tem o melhor custo-benefício, ou seja, o melhor preço com a melhor qualidade.

Resumindo…

Para garantir que o suplemento de ômega 3 é de qualidade você deve avaliar os selos de qualidade e concentração de EPA e DHA. Além disso, deve ter em mente que o preço no caso do ômega 3 importado é reflexo da sua qualidade.

Quer saber mais?

Avalie este post
Priscila Gontijo Correa

Nutricionista e Mestre em Ciências pela UNIFESP.

Experiência acadêmica em pesquisa científica. Atua como professora convidada em cursos de graduação e pós graduação na área da saúde.

Profissional com sólida formação em pesquisa e inovação. Atua na interseção entre o desenvolvimento de produtos com base em ciências e inovação para a saúde, e o marketing de conteúdo.

Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.