Um dos suplementos mais famosos, conhecidos e utilizados por muitas pessoas é o Whey Protein. Embora tenha toda essa fama, esse tipo de produto ainda gera uma série de dúvidas e até mesmo desconfiança ainda mais naqueles que nunca pesquisaram sobre ele.

Como são muitos os tipos de whey protein comercializados, essas dúvidas e desconfianças só aumentam. Os mais comuns são: Whey protein hidrolisado, concentrado ou isolado.

Hoje nós vamos falar tudo sobre o whey protein hidrolisado. O que é e para que serve.

Quer saber mais? Então não deixe de ler o conteúdo a seguir.

O que é o Whey Protein Hidrolisado?

O Whey Protein é um suplemento a base de proteínas do leite, a caseína. Trata-se de uma proteína completa, que possui em sua composição aminoácidos essenciais, além de baixos níveis de lactose. Essa grande concentração de aminoácidos, favorece síntese proteica, ou seja, mais facilidade para manter e ganhar músculos.

O Whey Protein é conhecido por seu fácil e rápido processo de digestão e absorção, sendo processado pelo organismo, cerca de 30 minutos após sua digestão.

A versão hidrolisada do whey protein, passa por um processo de hidrólise parcial, ou seja, seu processo de produção que promove uma quebra maior, facilitando sua digestão e consequentemente sua absorção no organismo.

Além disso, o Whey Protein Hidrolisado possui baixos níveis de lactose, boa opção para quem possui deficiência na enzima lactase e intolerância a lactose.

Para que serve o Whey Protein hidrolisado?

O whey protein hidrolisado pode ser indicado para crianças, idosos e até mesmo atletas. Dentre as principais indicações desse tipo de suplemento estão:

  • Controle e redução de catabolismo muscular;
  • Auxílio na recuperação de musculatura lesionada;
  • Ganho de massa muscular;
  • Melhora de performance em atividades físicas.

Quais são os benefícios do Whey Protein Hidrolisado?

A exemplo de outras variações, o Whey Protein hidrolisado é capaz de proporcionar uma série de benefícios aos seus consumidores no âmbito de saúde geral, sendo importante, inclusive, para o tratamento e prevenção de determinadas patologias.

Separamos, os principais deles:

Aumento de massa muscular

A ingestão de proteínas é essencial para a produção de massa muscular. O Whey Proteín Hidrolisado possui percentual de proteínas na faixa de 90% em sua composição.

Ao ingerir o Whey Protein Hidrolisado, o processo de síntese proteica é estimulado, o que promove a criação e consequentemente o aumento da massa muscular, entretanto, é preciso frisar que esse crescimento só ocorre em praticantes de atividades físicas anaeróbicas, como é o caso da musculação, por exemplo.

Manutenção de massa muscular

Outro grande benefício presente no consumo do Whey Protein Hidrolisado se dá na manutenção de massa muscular. Quando se consome esse tipo de suplemento, o organismo recebe altas doses de proteínas e aminoácidos, importantes para a saúde da musculatura.

Por conta desse efeito benéfico, o Whey Protein Hidrolisado pode ser uma ótima opção para pacientes acamados; aqueles que passaram por algum procedimento cirúrgico e até mesmo por idosos que apresentam naturalmente um declínio de massa magra.

Favorece o emagrecimento

Embora essa não seja a função primordial do Whey Protein Hidrolisado, esse é um dos efeitos secundários deste suplemento. Com o ganho e/ou então a manutenção de massa proporcionado, o organismo passa a demandar maiores quantidades de energia para se manter funcionando e acaba por utilizar gordura corporal como fonte de energia. O resultado é um emagrecimento secundário, porém saudável.

O que os cientistas mais estudam sobre Whey Protein Hidrolisado?

Algo importante de ser mencionado, é que antes de ser lançado no mercado, um suplemento passa por rigorosos testes e estudos sobre sua segurança e sua funcionalidade dentro do organismo humano.

Com o Whey Protein Hidrolisado, também foi feito uma série de estudos científicos como forma de comprovar sua eficácia e segurança aos consumidores. Dentre, vamos falar mais sobre alguns temas que temos certeza ser do seu interesse:

  • Comparação com outros suplementos sobre a ação na síntese muscular de idosos;
  • Comparação com a suplementação de aminoácidos livres – Leucina, Lisina e Metionina;
  • Comparação de efeitos antialérgicos com outros suplementos.

Vamos falar um pouco sobre cada um desses estudos.

Comparação com outros suplementos sobre a ação na síntese muscular de idosos

Muitos outros suplementos são utilizados como forma de prevenir a massa muscular de idosos, dentre os principais deles estão o Whey Protein Concentrado e a Caseína.

Um estudo randomizado com homens idosos saudáveis, comparou os efeitos da ingestão desses três tipos de suplementos e no final chegou à conclusão de que dentre esses suplementos, o que mais elevou as taxas de aminoácidos no plasma sanguíneo foi o Whey Protein Hidrolisado.

Comparação com a suplementação de aminoácidos livres

Outro tipo de comparação feita por cientistas, análisou o uso de Whey Protein Hidrolisado e aminoácidos livres em mulheres que fazem exercícios físicos com idade média de 20 anos de idade, como forma de acelerar a recuperação da musculatura.

Esse estudo é interessante, pois o público feminino apresenta problemas musculares muito antes do que os homens, principalmente por conta da variação hormonal nos períodos de pré e pós-menopausa.

E nele concluiu-se que o uso do whey protein hidrolisado é uma boa opção, perante o uso de aminoácidos livres, como forma de melhorar a recuperação de fibras musculares após a prática de  exercícios.

Comparação de efeitos antialérgicos com outros suplementos

Outro ponto interessante foi levantado em um estudo científico que teve como objetivo avaliar os efeitos alergênicos do whey protein hidrolisado e do whey protein concentrado sobre a questão de intolerância à lactose.

O estudo em questão se baseou sobre células basófilas de ratos, que são células popularmente conhecidas como “alergênicas”.

O seguinte estudo concluiu que o whey protein hidrolisado, foi mais efetivo para melhorar o índice alergênico que o whey protein concentrado. Portanto, com base nas evidências observadas nos estudos científicos, é possível que o suplemento de proteína sob a forma hidrolisada seja uma boa opção para consumo proteico por pacientes sensíveis e/ou intolerantes à lactose.

Conclusão

Cada pessoa possui um objetivo em específico, por isso, cabe a cada um escolher qual é o suplemento que melhor satisfaz suas necessidades específicas.

O uso de Whey Protein Concentrado pode ser uma boa opção para quem deseja hipertrofia e não possui nenhum tipo de intolerância ou sensibilidade à lactose, uma vez que seus níveis dessa proteína tendem a ser mais elevados.

Já para quem busca recuperação muscular, possui intolerância ou alergia à lactose, ou até mesmo deseja prevenir o catabolismo, o Whey Proteín Hidrolisado pode ser ainda mais vantajoso.

Se você que está lendo esse conteúdo e  é nutricionista, fica o nosso convite a acessar esse artigo e entender os motivos pelo quais a Vhita é a melhor escolha de suplementos para seus pacientes.

Referências:

Gorissen, SH; Horstman AM; Franssen R; Crombag JJ; Langer H; Bierau J; Respondek F; van Loon LJ. Ingestion of Wheat Protein Increases In Vivo Muscle Protein Synthesis Rates in Healthy Older Men in a Randomized Trial. The Journal of Nutrition, Volume 146, Issue 9, September 2016, Pages 1651–1659.

Meghan A. Brown; Emma J. Stevenson; Glyn Howatson. Whey protein hydrolysate supplementation accelerates recovery from exercise-induced muscle damage in females. Applied Physiology, Nutrition, and Metabolism, 2018, 43(4): 324-330.

Hana Kim; Sung-Il Ahn; Jin-Woo Jhoo; Gur-Yoo Kim. Comparison of Allergic Parameters between Whey Protein Concentrate and Its Hydrolysate in Rat Basophilic Leukemia (RBL)-2H3 Cells. Food Science of Animal Resources (한국축산식품학회지) Volume 38 Issue 4  / Pages.780-793 / 2018  / 2636-0772(pISSN) / 2636-0780(eISSN).