Se interessou por um colágeno tipo 2 em pó mas não sabe a diferença dele para os outros, ou se é melhor que a versão em comprimidos ou cápsulas? Veja essa resposta e aprenda também como escolher e como tomar o colágeno tipo 2 em pó.

Colágeno tipo 2 em pó

Para o suplemento de colágeno tipo 2 vendido em pó, o seu principal diferencial é que ele além de conter o colágeno tipo 2, ele também é fonte de proteínas. 

Normalmente os outros tipos de suplemento de colágeno tipo 2, em comprimidos ou cápsulas, apresentam apenas o colágeno tipo 2 na dosagem de 40 mg. Mas essa dosagem, apesar de ser de proteína, não o caracteriza como um suplemento fonte de proteínas. 

Para ser considerado um suplemento de proteínas, é necessário que o suplemento contenha pelo menos 8,4 g de proteína por dose (1). Mas não necessariamente ter apenas 8,4 g por dose, pode ser uma quantidade ainda maior de proteínas por dose.

Por essa razão o colágeno tipo 2 em pó é o único, entre os demais tipos do suplemento, que é fonte de proteínas também. Já que seria impossível incluir 8,4 g de proteína dentro de um comprimido ou de uma cápsula.

Outro ponto positivo, é que o suplemento em pó costuma ser mais bem aceito do que a opção em cápsulas ou comprimidos. Já que ele pode ser facilmente adicionado a diferentes receitas, quentes ou geladas, por não ter gosto, e nem riscos de perder suas propriedades devido a temperatura.

Então se você acredita que sua alimentação está com uma quantidade de proteínas menor do que deveria, não gosta de engolir cápsulas e nem comprimidos, a versão do colágeno tipo 2 em pó é a melhor opção.

Além de tratar das articulações e cartilagens, você ainda pode ter mais um estímulo para o ganho de massa muscular, se praticar exercícios.

Mas esses diferenciais também elevam o preço, um bom suplemento na versão em pó apresenta um preço médio de R$150,00. Enquanto a versão em cápsulas ou comprimidos varia em torno de R$100,00.

Colágeno tipo 2 em cápsulas ou comprimidos são ruins?

Não, não são ruins, porém um colágeno tipo 2 em pó apresenta tantos benefícios quanto a versão em cápsulas ou comprimidos. Mas todos, independentes da sua versão, se conter uma boa matéria-prima do colágeno tipo 2 e adequada composição, irão trazer os benefícios para saúde das cartilagens e articulações.

Continue lendo para ver um passo a passo para escolher o melhor colágeno tipo 2 em pó e ainda aprenda o jeito certo de tomar esse suplemento. 

Como saber se o colágeno tipo 2 em pó é bom?

Nem todos os suplementos de colágeno tipo 2 em pó são considerados de qualidade. Além de uma matéria-prima de qualidade, a composição desse suplemento também faz toda a diferença. 

Para te ajudar na hora de comprar o seu suplemento de colágeno tipo 2 em pó, siga esses 3 passos para escolher um suplemento de colágeno em pó de qualidade: 

  • 1° Passo: Ordem dos ingredientes

A ordem dos ingredientes sempre aparece do que está em maior quantidade por dose para o ingrediente de menor quantidade por dose. E no caso do colágeno tipo 2 em pó ele deve ter apenas dois ingredientes para ser de qualidade.

Observe no rótulo, na parte da lista de ingredientes, se está na seguinte ordem:

Peptídeos bioativos de colágeno hidrolisado e proteína de colágeno não desnaturada tipo 2

Se essa for a informação que você encontrou na lista de ingredientes do suplemento, esse é um dos critérios que te faz saber que esse suplemento é de qualidade. 

  • 2° Passo: Não ter aditivos

Aditivos são substâncias adicionadas ao suplemento com o objetivo de manter ou modificar algo, como o sabor, aroma, tempo de conservação ou até mesmo para melhorar a sua aparência.

Apesar de existirem aditivos naturais, que não são prejudiciais para a saúde, para esse suplemento não é necessário a adição de nenhum aditivo.

Então não se esqueça, na lista de ingredientes deve ter apenas os peptídeos bioativos de colágeno hidrolisado e proteína de colágeno não desnaturada tipo 2 e mais nada.

  • 3° Passo: Quantidade de proteínas por dose 

Na parte das “informações nutricionais” a quantidade de proteínas presentes em uma dose deve ser de 8,4 g ou mais.

Somando esses 3 passos, você consegue escolher o melhor colágeno em pó para aliviar as dores nas articulações, manter uma boa saúde e ainda aumentar a quantidade de proteínas da sua dieta.

Como tomar colágeno tipo 2 em pó 

Para todos os benefícios desse suplemento o consumo deve ser feito diariamente por no mínimo 12 semanas. Mas se você sofre com as dores nas articulações, ou está preocupado com a prevenção, você pode fazer o uso, sem pausas, por toda a sua vida sem nenhum tipo de efeito colateral.

Além do período, você não precisa se preocupar com qual é o melhor horário para consumir. Basta que você consuma todos os dias em horários distantes de refeições grandes. Além disso, não se esqueça que você pode incluir o colágeno em qualquer receita. 

Quer saber mais?

Que tal um desconto especial para experimentar um suplemento de colágeno de altíssima qualidade específico para as articulações e cartilagens?

Referências: 

1- Anvisa – Suplementos alimentares