Pular para o conteúdo
Home » Todos os posts » Como prevenir Alzheimer?

Como prevenir Alzheimer?

como prevenir o alzheimer
7 minutos de leitura

O Alzheimer é uma doença neurodegenerativa progressiva, que ocorre a partir do declínio cognitivo e da memória.

Por isso, saber como prevenir Alzheimer é um meio de reduzir os riscos da enfermidade.

No geral, o Alzheimer pode ocorrer por diversas causas, como sedentarismo, envelhecimento, fatores genéticos, tabagismo e traumatismos cranianos. 

Todavia, existem alguns cuidados que podem ser tomados no dia a dia para prevenir o Alzheimer.

Como manter uma alimentação nutritiva e equilibrada, praticar exercícios físicos regularmente e manter o cérebro ativo.

Veja a seguir as 12 melhores maneiras de como prevenir Alzheimer e coloque as dicas em prática!

1 – Tenha uma alimentação nutritiva

Uma alimentação nutritiva, rica em frutas, vegetais, grãos integrais, azeite de oliva, legumes e peixes são importantes para nutrir o cérebro e prevenir doenças neurodegenerativas, como o Alzheimer. 

Um nutriente de destaque para a manutenção da saúde cerebral é a coenzima Q10.

Essa substância está presente em abundância no cérebro, exercendo função de proteger as células de danos provocados pelos radicais livres. 

2 – Faça jogos de estratégia todos os dias

Os jogos de estratégia, como palavras cruzadas, quebra-cabeça, xadrez, damas e jogo da velha, são atividades que exercitam o cérebro e o mantém ativo.

Dessa forma, eles reduzem os riscos do Alzheimer. Além disso, ler e aprender coisas novas, como um idioma novo, também são técnicas eficazes para exercitar o cérebro e prevenir o Alzheimer.

No geral, recomenda-se a prática desses jogos pelo menos 15 minutos por dia. Assim como, o ideal é que vá mudando os jogos para estimular o cérebro de várias maneiras. 

3 – Evite o tabagismo e reduza a exposição ao fumo passivo

O tabaco produz diversas toxinas no nosso organismo, o que causa danos as células cerebrais.

Por essa razão, evitar o tabagismo é uma das formas de como prevenir Alzheimer.

Além disso, reduzir ao máximo a exposição ao fumo passivo também é importante. Uma vez que inalar a fumaça do cigarro também causa danos cerebrais.

4 – Gerencie o estresse

Alguns estudos relatam que o estresse crônico é um dos principais motivos para o maior risco de doenças neurodegenerativas, como o Alzheimer.

Por isso, é fundamental criar maneiras de gerenciar o estresse, como praticar exercício físico regularmente, experimentar técnicas de relaxamento (meditação, yoga, pilates, massagem relaxante, entre outras) e fazer psicoterapia.

5 – Mantenha o peso saudável

O excesso de peso, seja o sobrepeso ou obesidade, aumenta os riscos de doenças crônicas, como colesterol alto, diabetes e pressão alta, que, por sua vez, aumentam os riscos do Alzheimer.

Por isso, manter o peso saudável é uma das maneiras de como prevenir Alzheimer e ter uma melhor qualidade de vida.

Neste caso, o ideal é consultar um nutricionista para fazer uma dieta equilibrada, de modo que lhe ajude a manter o peso saudável e controlar doenças crônicas.

como prevenir alzheimer mantendo um peso saudável

6 – Durma bem

A boa qualidade do sono é importante para ajudar o cérebro a funcionar adequadamente, fortalecendo a memória, raciocínio, concentração, aprendizagem e atenção. Assim, é possível prevenir doenças neurodegenerativas, como o Alzheimer.

7 – Pratique exercício físico regularmente

A prática regular de exercício físico reduz em até 50% os riscos de desenvolver Alzheimer.

Sendo necessário pelo menos 30 minutos de atividade física por dia, em torno de 5 vezes por semana.

Algumas opções de exercícios físicos eficazes para a prevenção do Alzheimer são o ciclismo, dança, corrida, natação e treinamento de força.

Mas, caso ainda não possa inserir uma rotina de exercício físico no seu dia a dia, o ideal é começar com mudanças sutis, como fazer um trecho andando ao invés de ir de carro ou ônibus ou subir escadas ao invés de usar o elevador.

8 – Atenção a vitamina D

A deficiência de vitamina D está associada às maiores chances de desenvolvimento do Alzheimer.

Por isso, é muito importante tomar sol todos os dias ou optar pela suplementação, com orientação de um médico ou nutricionista. 

9 – Mantenha a pressão arterial controlada

A hipertensão arterial está relacionada ao desenvolvimento precoce de Alzheimer.

Por isso, pessoas com pressão alta devem tomar todos os cuidados para controlar a pressão e reduzir os riscos da doença.

10 – Não abuse do álcool

Assim como o tabagismo, o álcool gera componentes tóxicos ao organismo, sendo responsável por aumentar os danos cerebrais e as chances do surgimento de doenças neurodegenerativas.

Por isso, o ideal é evitar bebidas alcoólicas ou consumi-las com bastante moderação e pouca frequência, evitando os abusos.

11 – Atenção aos problemas psicológicos

A ansiedade, depressão e estresse são problemas que afetam o cérebro diretamente.

Pois, estimulam a produção de hormônios e neurotransmissores que trazem prejuízos para a estrutura cerebral.

Por isso, pessoas com ansiedade, depressão e estresse têm riscos aumentados de desenvolver Alzheimer no futuro, podendo também surgir precocemente.

Nestes casos, deve-se buscar o tratamento adequado com psicólogos e psiquiatras para reduzir os riscos dessas complicações.

12 – Mantenha os níveis de açúcar controlados

Alguns estudos já mostram que a diabetes pode aumentar os riscos de Alzheimer, devido aos maiores danos cerebrais que a doença causa.

Por isso, manter os níveis de açúcar controlados é uma das maneiras de como prevenir Alzheimer, principalmente em idosos.

O que leva uma pessoa a ter Alzheimer?

A causa em si que faz uma pessoa ter Alzheimer ainda é desconhecida pela ciência.

Mas, acredita-se que o estilo de vida e fatores genéticos e ambientais são determinantes para o desenvolvimento da doença.

Por isso, é crucial manter bons hábitos ao longo da vida, como manter uma alimentação saudável, praticar exercício físico regularmente e jogar jogos de estratégia.

Dessa forma o cérebro está em contínuo estímulo, reduzindo os riscos de doenças neurodegenerativas.

Quais são os primeiros sinais de mal de Alzheimer?

Os primeiros sinais de mal de Alzheimer são:

  • dificuldade para resolver problemas;
  • pequenos esquecimentos;
  • desorientação;
  • confusões sobre eventos, locais e pessoas;
  • repetição de situações ou tarefas;
  • problemas para completar tarefas que eram fáceis antes;
  • mudanças na personalidade ou humor;
  • problemas de comunicação (escrita e fala).

Caso perceba algum desses sinais, consulte um médico. Não faça um autodiagnostico.

Quer saber mais?

Referências

CORREIA, A. et al. NUTRIÇÃO E DOENÇA DE ALZHEIMER. Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável, 2015.

FERREIRA, D. C.; MAINARDES, S. C. C. DOENÇA DE ALZHEIMER: COMO IDENTIFICAR, PREVENIR E TRATAR. Anais Eletrônico (VIII EPCC – Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar), Editora CESUMAR, 2013.

PRIULLI, E.; PIRES, C. R. F.; CEZAR, T. C. M. Alimentação como fator de proteção da doença de Alzheimer. Research, Society and Development, v. 9, n. 10, p. 1-13, 2020.

5/5 - (1 voto(s))

Nutricionista pelo Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) e pós graduada em Comportamento Alimentar pelo Instituto de Pesquisas, Ensino e Gestão em Saúde (IPGS).

Experiência acadêmica em pesquisa científica e produção de conteúdos com embasamento científico. Trabalha com marketing de conteúdo, com foco na divulgação de informação de qualidade baseada em ciência sobre alimentação e suplementação.

Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 4 =


The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.