Pular para o conteúdo
Home » Todos os posts » Como ter mais disposição? Confira dicas valiosas!

Como ter mais disposição? Confira dicas valiosas!

mulher sofrendo com efeitos colaterais e sem cloreto de magnésio
7 minutos de leitura

A falta de energia tem tomado conta da rotina de muitas pessoas, dificultando que elas executem as suas tarefas diárias com êxito.

Por isso, saber como ter mais disposição é importante para driblar a indisposição durante o dia.

No geral, o cansaço excessivo pode ocorrer por diversas causas, como deficiência de vitaminas e minerais, alterações hormonais, sedentarismo e estresse.

Sendo assim, para ter mais disposição e melhor qualidade de vida, é preciso cultivar bons hábitos e ficar atento aos sabotadores que lhe fazem perder a energia.

Veja a seguir 12 dicas valiosas de como ter mais disposição e comece a colocá-las em prática agora mesmo!

1 – Alimente-se bem

O primeiro ponto de como ter mais disposição é a alimentação. Afinal, o nosso corpo precisa de uma gama de nutrientes para funcionar de forma adequada e ter mais energia durante o dia.

Por isso, comece a ter uma alimentação equilibrada e nutritiva, rica em proteínas, fibras, gorduras boas, carboidratos complexos, vitaminas e minerais.

Além disso, fique atento(a) a suplementação, pois a deficiência de alguns nutrientes, como de coenzima Q10, ferro, vitaminas do complexo B, ômega 3 e vitamina D, pode impactar diretamente na disposição.

2 – Beba mais água

A hidratação é um outro ponto de destaque quando se trata de ter mais disposição. Uma vez que a água é crucial para que o processo de produção de energia funcione bem.

Por essa razão, caso haja ingestão de água insuficiente, a disposição diária será afetada, gerando a sensação de falta de energia.

Então, é muito importante beber pelo menos 2 litros de água por dia.

3 – Durma melhor

Não há mais dúvidas de que a qualidade do sono está diretamente associada com a energia diária.

Isso porque, durante o sono, ocorrem diversos processos metabólicos importantes para gerar disposição após acordar e ao longo do dia.

Sendo assim, invista em estratégias que façam você dormir melhor, como é o caso da higiene do sono.

4 – Pratique exercício físico regularmente

A prática regular de exercício físico, além de aumentar a disposição diária, contribui para a produção adequada de hormônios e neurotransmissores responsáveis pela sensação de felicidade, motivação e bem-estar.

De acordo com a OMS, para ter mais disposição, o ideal é realizar pelo menos 150 minutos de exercício físico aeróbico por semana. O que equivale a 30 minutos de atividade, 5 dias por semana.

5 – Faça exames regulares

Os exames de sangue regulares são meios de supervisionar a sua saúde e verificar se há deficiências nutricionais ou alterações hormonais. O que pode afetar diretamente a disposição e energia diária.

No geral, o ideal é que faça exames de sangue pelo menos 1 vez por ano. Mas, em alguns casos específicios, podem ser necessários de 6 em 6 meses.

6 – Tenha momentos de lazer

Entre as dicas de como ter mais disposição, os momentos de lazer também devem estar inseridos.

Afinal, eles são importantes para respirar novos ares, tirar o foco do trabalho, relaxar e fortalecer a saúde mental.

Com isso, é possível ter mais disposição e energia para cumprir as obrigações diárias, driblando o cansaço mental e físico gerado pelo trabalho e preocupações.

7 – Pratique o autocuidado

Assim como os momentos de lazer, o autocuidado também é fundamental quando se trata de como ter mais disposição.

Isso se deve porque ele permite cuidar do corpo como um todo, sendo eficaz para minimizar os efeitos do estresse, ansiedade e depressão.

Por isso, invista em práticas que levem ao autocuiddo, como:

  • fazer skincare;
  • tomar um banho relaxante;
  • meditar;
  • ter mais contato com a natureza;
  • fazer higiene do sono;
  • ir ao médico regularmente;
  • fazer sessões de massagem;
  • tirar um tempo para você.
meditacao

8 – Evite bebidas alcoólicas e o tabagismo

As bebidas alcoólicas e o tabagismo aumentam a indisposição diária, pois atrapalham o processo de produção de energia.

Além disso, eles também geram a deficiência de coenzima Q10, aumentando os riscos de doenças crônicas e as suas complicações.

9 – Priorize tarefas

A falta de priorização de tarefas é um dos principais motivos para a procrastinação e a sensação de falta de energia.

Por isso, o ideal é priorizar atividades, começando pelas mais difíceis ou mais chatas.

Além disso, uma outra dica é começar a anotar todas as tarefas que você deve concluir no dia seguinte.

Dessa forma, é possível iniciar o dia já com as atividades organizadas, o que facilitará a execução.

10 – Não fique muito tempo sem comer

Ficar longas horas sem comer pode afetar a energia durante o dia, gerando dificuldade de foco e concentração. Ainda mais em pessoas ativas fisicamente.

No geral, o ideal é comer em torno de 3 ou 5 horas, mas essa frequência pode variar de pessoa para pessoa.

Isso é importante para evitar quedas bruscas de energia, permitindo que você tenha uma disposição contínua e prolongada.

11 – Invista em técnicas para manejar o estresse

O estresse crônico é uma das principais causas para a sensação de indisposição diária, podendo ocorrer devido a situações no trabalho, problemas financeiros, doenças, entre outros.

Por isso, é crucial investir em técnicas que buscam o controle do estresse, a fim de minimizar os seus efeitos na saúde.

Algumas opções de técnicas para manejar o estresse e ter mais disposição são:

  • experimentar técnicas de relaxamento, como meditação, massagem relaxante, yoga, pilates, controlar a respiração, alongamento e aromaterapia;
  • gerenciar o tempo;
  • fazer terapia;
  • praticar o autocuidado;
  • evitar ou reduzir os gatilhos que geram os picos de estresse.

12 – Tenha uma rotina matinal

A maneira em que você começa o seu dia pode impactar diretamente na sua disposição e enegia diária.

Nos dias atuais, tem sido cada vez mais comum o hábito de acordar e já ir direto para as redes sociais.

Entretanto, essa prática inibe todo o potencial cognitivo do nosso cérebro, levando a indisposição e procrastinação.

Por isso, ao invés disso, comece o seu dia com o pé direito: arrume a cama, beba água assim que acordar, controle o tempo de tela, pratique exercício físico e faça um café da manhã equilibrado e nutritivo.

Quer saber mais?

Referências

ABREU, M. O.; DIAS, I. S. EXERCÍCIO FÍSICO, SAÚDE MENTAL E QUALIDADE DE VIDA NA ESECS/IPL. PSICOLOGIA, SAÚDE & DOENÇAS, v. 18, n. 2, p. 512-526, 2017.

JACOBS, M. A. P.; ACCURSIO, W. Coenzima Q10: Aplicações clínicas. BWS JOURNAL. v. 3, p. 1-7, 2020.

MARTINELLI, S. S.; CAVALLI, S. B. Alimentação saudável e sustentável: uma revisão narrativa sobre desafios e perspectivas. Ciência & Saúde Coletiva, v. 24, n. 11, p. 4251-4261, 2019.

TICINESI, A. et al. Nutrition and Inflammation in Older Individuals: Focus on Vitamin D, n-3 Polyunsaturated Fatty Acids and Whey Proteins. Nutrients. v.8, n. 186, p. 1-24, 2016.

5/5 - (1 voto(s))

Nutricionista pelo Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) e pós graduada em Comportamento Alimentar pelo Instituto de Pesquisas, Ensino e Gestão em Saúde (IPGS).

Experiência acadêmica em pesquisa científica e produção de conteúdos com embasamento científico. Trabalha com marketing de conteúdo, com foco na divulgação de informação de qualidade baseada em ciência sobre alimentação e suplementação.

Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.