Home » Quais são os sintomas de colesterol alto?

Quais são os sintomas de colesterol alto?

Sintomas de colesterol alto:

O colesterol é uma gordura presente e necessária em todas as nossas células, mas quando em excesso no nosso sangue pode acumular nos nossos vasos sanguíneos e causar danos irreparáveis ao corpo.

Na verdade, o colesterol alto no sangue não apresenta sintomas, ou seja, é uma doença silenciosa, portanto, para descobrir se você tem colesterol alto é necessário fazer um exame de sangue para identificar.

Apesar de não apresentar sintomas clássicos como no caso de outras doenças, é importante nos conscientizarmos sobre o que o colesterol causa no nosso corpo, ou seja, quais as consequências de ter o colesterol alto no sangue. E hoje é sobre isso que vamos falar!

O que causa colesterol alto?

O colesterol alto no sangue, pode ser causado por 4 situações, que podem ser a causa única ou a combinação de duas ou mais, são elas:

  • origem genética;
  • decorrente de estilo de vida inadequado (dieta rica em gorduras trans e saturadas); 
  • decorrente de algumas doenças;
  • ou ainda como consequência ao uso de alguns medicamentos.

Aqui no blog nós já escrevemos um texto detalhando cada uma dessas causas e você pode conferir clicando aqui.

Quais são os sintomas do colesterol alto?

Você sabia que cerca de 70% do colesterol é produzido pelo nosso próprio corpo? É isso mesmo, 70% do nosso colesterol é produzido pelo fígado, enquanto que os outros 30% são provenientes da dieta. 

Outra informação importante e que devemos nos atentar para entender quais são as consequências do colesterol alto no nosso sangue é sobre as funções de cada uma das frações do colesterol

Bom, o LDL colesterol leva colesterol do fígado aos tecidos, e por isso é conhecido como colesterol ruim, enquanto oHDL colesterol atua retirando o colesterol dos tecidos e levando ao fígado para serem eliminados, e por isso é conhecido como colesterol do bem. 

Além disso, temos as frações VLDL-c e quilomícron que transportam os triglicerídeos, que são outro tipo de gordura.

Pensando nesses fatos sobre o metabolismo do colesterol dentro do nosso corpo, podemos ver que o fígado tem um papel essencial. E adivinhem, o colesterol alto no sangue pode acumular gordura no nosso fígado!

Outras consequências do colesterol alto no sangue é a formação de placas de ateroma nos vasos sanguíneos.

Quando em excesso, o colesterol LDL vai se depositando nas nossas artérias, sem dar sintomas e assim gradualmente vai formando a chamada placa de ateroma. Essa placa de ateroma vai aumentando de tamanho e quando a placa de ateroma se solta da parede dos nossos vasos ela pode entupir os vasos e veias, causando o infarto, AVC ou uma trombose.

Como diminuir o colesterol alto?

Considerando que 70% do nosso colesterol é produzido pelo fígado, enquanto 30% são provenientes da dieta, e que o consumo excessivo de alimentos ricos em gordura estimula o nosso fígado a produzir mais colesterol do que o normal. 

Então o primeiro passo para diminuirmos o colesterol é diminuir o consumo de alimentos ricos em gorduras saturadas, gorduras trans e colesterol! Esses nutrientes estão presentes em alimentos como frituras, carnes gordurosas, embutidos, industrializados como salgadinhos, sorvetes e bolachas recheadas.

Os cuidados com a dieta não se limitam a diminuição do consumo de gorduras, também é necessário ter uma alimentação equilibrada e incluir alimentos como a aveia, rica em fibras e que pode ajudar a diminuir o colesterol, assim como consumir alimentos fonte de ômega 9 e ômega 3 para aumentar o colesterol HDL.

Além dos cuidados com a alimentação, é importante também praticar uma atividade física regularmente.

E em paralelo a tudo isso, é muito importante que todo ano você faça o exame de sangue para verificar o colesterol. E atenção, se seu exame estiver alterado é essencial o acompanhamento com um médico para avaliar a necessidade de tomar medicamentos juntamente com a mudança no estilo de vida, além de repetir o exame de sangue com uma menor frequência, por exemplo, em alguns casos é necessário repetir o exame a cada 3 meses.

ahh e não se esqueça, estilo de vida saudável inclui também parar de fumar, caso você fume, e bebida alcoólica só socialmente e ainda maneirar na quantidade, beleza?

Quer saber mais?

Que tal um desconto especial para experimentar um ômega 3 de altíssima qualidade?

 

Referências

Calixto-Lima,L; Reis, N.T. Interpretação de exames laboratoriais aplicados à nutrição clínica. Rio de Janeiro: Editora Rubio, 2012.

Serviddio G, Bellanti F, Villani R, et al. Effects of dietary fatty acids and cholesterol excess on liver injury: A lipidomic approach. Redox Biol. 2016;9:296-305. doi:10.1016/j.redox.2016.09.002

Sociedade Brasileira de Cardiologia. I Diretriz sobre o consumo de Gorduras e Saúde Cardiovascular. Arq Bras Cardiol. 2013;100(1Supl.3):1-40

Sociedade Brasileira de Cardiologia. Atualização da Diretriz Brasileira de dislipidemias e prevenção de aterosclerose. Arq Bras Cardiol 2017; 109(2Supl.1):1-76 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *