O ômega 3 é uma gordura essencial para a saúde humana, ou seja, é indispensável para a manutenção da nossa saúde e não produzimos de maneira endógena. Por isso, só é possível obter volumes adequados de ômega 3 para a nossa saúde quando consumimos essa gordura através da alimentação, ou com a ajuda de suplementos específicos com o nutriente.

Escolher um suplemento de ômega 3 para compor a sua alimentação, entretanto, é uma tarefa que exige atenção e cuidado, para selecionar a alternativa certa e mais saudável para essa finalidade. Nesse artigo, compartilhamos alguns cuidados que você precisa ter com o suplemento de ômega 3 que vai comprar.

Cuidado com a exposição à luz

O ômega 3, como qualquer outro tipo de molécula de gordura, tem uma estrutura química bastante sensível quando o assunto é contato com o calor ou com alguns tipos de iluminação (como a luz solar).

Esses fatores podem quebrar as ligações dos carbonos que formam a estrutura da molécula da gordura (um processo chamado de oxidação lipídica), prejudicando suas características nutricionais benéficas e aumentando a produção de radicais livres.

Os radicais livres, são compostos que prejudicam a saúde e a estrutura celular, acelerando o processo de envelhecimento e causando lesões que podem levar ao desenvolvimento de câncer.

Por isso, o suplemento de ômega 3 precisa ter garantida a sua proteção contra o contato com a luz solar e as altas temperaturas. Esse cuidado começa com a escolha do frasco em que eles serão comercializados, que devem sempre ser escuros ou opacos, para filtrar a ação da luz.

O armazenamento desses produtos, ainda nas gôndolas de loja, também deve evitar ao máximo a exposição à luz e priorizar um ambiente fresco, com temperaturas mais amenas.

Em casa, o cuidado com o armazenamento deve se repetir. Por isso, sempre guarde suas cápsulas de ômega 3 em um local arejado e longe da incidência direta de luz.

Escolher produtores de confiança e com registro em dia

Outro aspecto importante para a escolha do suplemento de ômega 3 que você vai adquirir é a confiabilidade do produtor responsável por sua comercialização. Geralmente, você vai optar por comprar o suplemento de uma marca indicada por seu profissional da saúde de confiança (como o médico ou o nutricionista), mas caso opte por fazer uma escolha própria, não deixe de pesquisar sobre o produtor e, principalmente, se o seu registro no site da ANVISA está em dia e se ele pode comercializar seus produtos normalmente.

Avaliar o laudo técnico do produto

Além da avaliação do registro e das atividades do produtor do suplemento de ômega 3, buscar pelo laudo técnico do produto também é uma boa maneira de garantir que você tem, em mãos, um produto de qualidade.

No laudo técnico, além de verificar se o suplemento de ômega 3 que você está comprando tem concentração satisfatória dessa gordura essencial para a saúde, você pode também verificar se ele é um produto livre de contaminação de materiais pesados – que podem colocar em risco a sua qualidade de vida.

Verificar o prazo de validade

Assim como qualquer outro produto que chega ao mercado consumidor, os suplementos de ômega 3 também contam com prazo de validade para uso. Por isso, antes de adquirir o seu, garanta que tem em mãos um produto que pode ser consumido de maneira segura e sem risco de estar vencido e com suas características nutricionais prejudicadas.