Benefícios do Ômega 3 para o olho seco

| | , ,

Benefícios do Ômega 3 

Você sabia que uma irritação nos olhos como aquela sensação de que entrou cisco, ou que o olho está ressecado ou mesmo que a visão está embaçada pode ser um  sinal da falta de ômega 3 no seu organismo?

Isso mesmo, além dos inúmeros benefícios para o cérebro e coração, o ômega 3 é um ótimo aliado para a saúde dos nossos olhos. Acompanhe o post para entender quais são os principais benefícios do ômega 3 para os olhos.

Mas antes, se quiser com um pouco mais de detalhes o que é e para que serve o ômega 3, assista o vídeo à seguir, com a nutricionista Dra. Priscila Gontijo explicando sobre os principais benefícios do ômega 3 para nosso organismo.

O que é importante para a saúde dos olhos?

A saúde dos nossos olhos depende de vários fatores,  só que os componentes presentes na região que chamamos de superfície ocular como as pálpebras, a córnea, algumas glândulas e os ductos, que fazem a conexão entre o ambiente externo e nosso organismo, são os principais protetores da nossa visão.

Isso porque eles precisam nos proteger de tudo que temos contato aqui no ambiente externo ne, como os raios solares, poluição, vírus e bactérias, líquidos, enfim, tudo aquilo que temos contato direto com os olhos.  

A pálpebra e a córnea são barreiras físicas, enquanto as glândulas e os ductos atuam juntos para produzir e secretar a lágrima que é um líquido com propriedade antibacteriana que ajuda a eliminar germes e bactérias.

A lágrima também é responsável pela lubrificação dos olhos, ela é composta por 3 camadas: uma líquida, uma mucosa e outra lipídica. Isso permite a superfície lisa da córnea e nos da a nitidez na visão, ou seja, faz com que enxerguemos melhor.   

Sintomas de secura dos olhos, vermelhidão; coceira; ardor; sensação de “areia”, aversão à claridade, dificuldade de movimentar as pálpebras e maior produção de muco causam o incômodo do clássico olho seco que diminui a qualidade de vida, e pode facilitar o desenvolvimento de catarata, glaucoma entre outras doenças associadas aos olhos. 

Qualquer condição que afete a superfície ocular pode prejudicar a visão, independente da idade da pessoa. Assim como substâncias que fortalecem a superfície ocular beneficiam a visão.

Ômega 3 é bom para os olhos?

O ômega 3 é ótimo para os olhos! É a gordura mais presente na composição dos nossos olhos.  O ômega 3 faz parte do revestimento das células que formam os olhos, da retina, além de estar na camada lipídica que compõe a lágrima.

Dessa forma, ter uma concentração de ômega 3 adequada é fundamental para a manutenção da lubrificação dos olhos, fortalecer os componentes celulares e a retina.

Inclusive existem pesquisas mostrando tanto os benefícios do consumo de suplementos de ômega 3 para a visão, quanto os benefícios do uso de colírios a base de ômega 3 em relação a outras substâncias como soro e corticoides para o tratamento dos olhos secos.

Benefícios do Ômega 3 para o Olho seco

As primeiras evidências clínicas do papel do ômega 3 para a saúde da superfície ocular veio de um grande estudo que avaliou mais de 30.000 mulheres e mostrou que quem não comia ômega 3 em quantidades adequadas tinham maiores chances de desenvolver os sintomas do olho seco. 

Isso porque o ômega 3 é uma gordura fundamental para a formação do tecido que reveste a córnea, além de servir como ingrediente para a produção dos componentes lipídicos presentes na lágrima com que tem ação anti-inflamatória e antibacteriana.

Mais de 200 estudos já demonstraram a eficácia do uso de suplementos de ômega 3 para aliviar e tratar os sintomas do olho seco em diversos aspectos. Hoje sabemos que o ômega 3 atua tanto nos componentes da superfície quanto em componentes internos como retina e nervos responsáveis pela formação da visão.  

O ômega 3 é tão importante para a saúde dos olhos que a própria deficiência dele pode causar uma inflamação que prejudicar nossa visão.  Por isso, é comum profissionais da saúde recomendarem o consumo de suplementos de ômega 3 para ajudar na melhora das vistas. 

Algumas evidências clínicas também indicam que o consumo do ômega 3 durante a gravidez e/ou amamentação pode melhorar a acuidade visual além do neurodesenvolvimento da criança a longo prazo. 

Então, de forma bem resumida os principais benefícios do ômega 3 para a saúde ocular são:

  • Trata e previne os sinais e sintomas dos olhos secos 
  • Protege e fortalece os componentes da superfície ocular
  • Mantém a Lubrificação dos olhos saudáveis
  • Promove a manutenção e integridade da córnea; 
  • Previne a desgaste da retina (clinicamente chamada de degeneração da mácula); 
  • Estimula a produção de substâncias  anti-inflamatórias e neuroprotetoras na córnea;
  • Previne doenças oculares;
  • Aumenta o comprimento e fortalece as fibras nervosas da córnea.
  • Melhora a acuidade visual em bebês

Como tomar ômega 3 para o olho seco?

Alguns fatores como a quantidade de ômega 3 ingerida ao dia, origem do ômega 3, consumo de ômega 6 e outros nutrientes podem interferir de forma positiva ou negativa para a ação do ômega nos olhos. Entenda como:

Quantidade adequada de ômega 3 ao dia para tratar olho seco

O efeito do ômega 3 na maioria dos estudos foi visto através do consumo contínuo de suplementos de óleo de peixe.

A concentração variava entre 800 a 2500 mg de ômega 3 ao dia.  Na média, a recomendação diária é de 1200 a 1500 mg de ômega 3.

Por se tratar de um nutriente essencial, o consumo do ômega 3 deve ser contínuo. A suspensão do consumo pode acarretar na perda dos benefícios obtidos pela suplementação.

Origem do ômega 3 para tratar olho seco

Busque entender se o ômega 3 é de origem vegetal ou animal, porque embora o ômega 3 do tipo ALA – de origem vegetal tenha seu valor, as investigações mostram que o ômega 3 do tipo EPA e DHA – de origem animal, são mais eficazes para a visão.

Cuidado com o excesso de ômega 6

dieta é outro fator que interfere no resultado, pois o sucesso da ação anti-inflamatória do ômega 3 depende da proporção de consumo entre 3 e 6. Nossa dieta geralmente tem excesso de ômega 6 e deficiência de ômega 3, sendo a proporção normalmente de 15: 1, versus uma proporção ideal de até 4: 1.

Ainda sobre a dieta, importante destacar que quase todos os estudos avaliaram o efeito de um único suplemento. Portanto, o possível efeito sinérgico de uma combinação de diferentes micronutrientes e nutracêuticos como vitamina A, vitamina C, vitamina D, selênio, cúrcuma, ainda precisa ser investigado.

Ômega 3 para olho seco: perspectiva para pesquisas futuras

O consumo de suplementos de ômega 3 para indivíduos que sofrem com olho seco é assunto de debate contínuo.

Os dados disponíveis sobre sua eficácia clínica têm um nível convincente de evidência. No entanto, as vias celulares metabólicas do ômega 3, bem como seus alvos moleculares na superfície ocular, precisam ser investigados mais profundamente.

Ainda é preciso de mais pesquisas para definir uma a dosagem ideal e a composição (em particular em termos de razão EPA/DHA) e duração do tratamento. 

Também é preciso identificar se tem pessoas poderiam se beneficiar mais com este tratamento do que outras.

Outra limitação é que a maioria dos ensaios clínicos tiveram um seguimento curto. Assim, ainda não se sabe se os resultados relatados são mantidos ao longo do tempo.

Quer saber mais?

Que tal um desconto especial para experimentar um ômega 3 de altíssima qualidade?

Referências:

Marco Pellegrini, et al. The Role of Nutrition and Nutritional Supplements in Ocular Surface Diseases. 30 de março de 2020. NLM. Disponível em <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7230622/> Acessado em 20/10/2020;

Giuseppe Giannaccare, et al. Efficacy of Omega-3 Fatty Acid Supplementation for Treatment of Dry Eye Disease: A Meta-Analysis of Randomized Clinical Trials. Maio de 2020. PubMed. Disponível em <https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/30702470/> Acessado em 20/10/2020;

Aihua Liu, et al. Omega-3 essential fatty acids therapy for dry eye syndrome: a meta-analysis of randomized controlled studies. 06 de Setembro de 2020. PubMed. Disponível em <https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/25193932/> Acessado em 20/10/2020;

Jose A Hurtado, et al. Effects of Maternal Ω-3 Supplementation on Fatty Acids and on Visual and Cognitive Development. Outubro de 2015. PubMed. Disponível em <https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/25988553/> Acessado em 20/10/2020;

 
Anterior

Ômega 3 para a Visão: o que você precisa saber

Qual é o melhor colágeno hidrolisado para a pele, unhas e cabelos?

Próximo

Deixe um comentário