Pular para o conteúdo
Home » Todos os posts » O que é EPA e DHA? Saiba a resposta e a importância deles!

O que é EPA e DHA? Saiba a resposta e a importância deles!

Por quanto tempo devo tomar omega 3
7 minutos de leitura

Ao comprar ômega 3, é comum se perguntar “o que é EPA e DHA?”, uma vez que esses nutrientes são informados no rótulo dos suplementos.

De forma sucinta, o ômega 3 é, na verdade, um grupo de gorduras que desempenham funções importantes no nosso corpo. Dentre elas, há o EPA e o DHA, ou seja, eles fazem parte da família do ômega 3.

A seguir, falaremos mais detalhes sobre eles, suas funções no organismo e dosagens diárias recomendadas. Confira!

O que é EPA e DHA?

O EPA e DHA são siglas que representam o ácido eicosapentaenoico e o ácido docosahexaenoico, respectivamente.

Ambos são gorduras do tipo ômega 3, e, por não serem produzidos por nosso corpo naturalmente, devem ser obtidos por meio da alimentação ou suplementação.

Por essa razão, os suplementos de ômega 3 informam a quantidade de EPA e DHA nos rótulos, pois são eles que compõem estes produtos.

o que é EPA e DHA

Quais os benefícios dessas substâncias?

O EPA se destaca por causa do seu potencial anti-inflamatório, anticoagulante e cardioprotetor. Por isso, uma das suas principais funções é prevenir doenças cardiovasculares e suas complicações, como infarto e AVC (Acidente Vascular Cerebral).

Já o DHA, por sua vez, é conhecido por fazer parte das membranas celulares e estar presente em abundância no cérebro e olhos, além de ser um poderoso antioxidante.

Veja abaixo as funções específicas de cada um deles!

EPA

Os benefícios do EPA para a saúde são:

1 – Regula o colesterol e triglicerídeos no sangue

O EPA é indispensável para a prevenção de doenças cardiovasculares, pois regula os níveis de colesterol e triglicerídeos no sangue.

Como resultado, ele oferece proteção contra complicações cardíacas, reduzindo os riscos de infarto, arritmias e insuficiência cardíaca, além de contribuir para o controle da pressão arterial e prevenção de AVCs.

2 – Previne e diminui gordura no fígado

O EPA auxilia na redução do acúmulo de gordura no fígado. Além disso, devido à sua propriedade anti-inflamatória, ele pode diminuir a inflamação e o estresse oxidativo, promovendo uma melhoria nas funções hepáticas.

3 – Combate e ajuda no tratamento de doenças inflamatórias

Estudos indicam que o EPA exerce efeitos positivos na inflamação crônica, que está ligada a uma variedade de doenças, como doenças cardiovasculares, artrite reumatoide, osteoporose, tendinite, doenças autoimunes, câncer e obesidade.

4 – Previne a formação de coágulos

Devido às suas propriedades anticoagulantes, o EPA combate a formação de coágulos sanguíneos. O que, por sua vez, inibe a agregação de plaquetas e gorduras, prevenindo aterosclerose e trombose.

DHA

Os benefícios do DHA para a saúde são:

1 – Fundamental para a saúde dos olhos

O DHA é uma das substâncias que compõem a retina. Por isso, ele protege-a contra danos e previne a DMRI (Degeneração Macular Relacionada à Idade).

Nesta doença, gorduras e proteínas se acumulam na retina, causando deterioração da visão. O problema é que a luz azul de dispositivos eletrônicos – frequentes hoje em dia – é um dos principais responsáveis por acelerar esse processo.

Logo, o DHA desempenha um papel protetor, evitando o acúmulo prejudicial dessas substâncias na retina. Sendo, então, responsável por proteger a saúde ocular ao longo da vida.

2 – Importante para prevenir doenças neurodegenerativas

Além de fazer parte da estrutura do cérebro, sendo um componente das membranas cerebrais e da bainha de mielina, o DHA previne doenças neurodegenerativas, como Alzheimer, Parkinson e esclerose múltipla.

Além disso, pesquisas sugerem que manter níveis adequados de DHA no corpo é importante para desacelerar o agravo dessas condições.

3 – Ajuda a prevenir e tratar depressão e ansiedade

Por ser abundante no cérebro, o DHA é primordial para a produção adequada de neurotransmissores e a formação de sinapses nervosas.

Isso o torna um contribuinte importante no tratamento da depressão e ansiedade, já que ele melhora a produção de neurotransmissores associados ao bem-estar, motivação e relaxamento, como a serotonina e dopamina.

4 – Aliado no tratamento do TDAH e autismo

O Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) e o autismo são doenças complexas que geram desafios significativos nas interações sociais.

Devido à importância do DHA para a saúde cerebral, estudos sugerem que ele pode ter efeitos benéficos na melhora do foco, concentração, aprendizagem e cognição em indivíduos com TDAH e autismo.

Esses efeitos podem ser ainda melhores nas crianças, uma vez que elas ainda estão em desenvolvimento neuronal.

o que é EPA e DHA

Qual a recomendação para consumo diário de DHA e EPA?

A recomendação diária de EPA e DHA para adultos é de no mínimo 250 mg, sendo ideal que seja a partir de 500 mg.

É importante destacar que essa dose não deve ultrapassar 2 g por dia, pois pode gerar sangramentos excessivos, devido a ação anticoagulante do EPA.

Assim, outro ponto a se ressaltar é que a ingestão diária desses nutrientes deve ser em uma proporção 3:2. Ou seja, a cada 300 mg de EPA, 200 mg de DHA.

Qual é o mais importante: DHA ou EPA?

Ambos os nutrientes são importantes para nossa saúde, mas, em algumas fases da vida, um pode ser mais necessário que o outro.

Por exemplo, para gestantes, crianças, idosos e pessoas com condições neurológicas específicas, o DHA é mais importante que o EPA.

Por isso, nestes casos, recomenda-se optar por um suplemento rico em DHA, como é o caso do Ômega 3 Super DHA da Vhita.

Já para indivíduos que buscam melhorar a saúde cardiovascular ou prevenir a deficiência de ômega 3, o mais importante é o EPA.

Assim, deve-se optar por um suplemento com mais EPA do que DHA, um exemplo é o Ômega 3 TG da Vhita.

Em quais alimentos encontramos EPA e DHA?

O EPA e DHA podem ser encontrados em peixes gordurosos, como sardinha, salmão, atum, arenque e anchova, e algas marinhas, com ressalvas de que as algas são fontes apenas de DHA.

Com base no que vimos, é muito importante escolher um suplemento de ômega 3 que ofereça doses adequadas de EPA e DHA, na proporção correta.

O ômega 3 da Vhita é um dos mais completos do mercado, fornecendo 758 mg de EPA e 545 mg de DHA, devidamente equilibrados na proporção 3:2. Conheça mais detalhes do suplemento!

Gostou deste post? Quer continuar investindo em sua saúde e no seu bem-estar? Então siga a Vhita no Instagram.

Quer saber mais?

o que é EPA e DHA

Referências

RODRIGUEZ, D. et al. Update on Omega-3 Polyunsaturated Fatty Acids on Cardiovascular Health. Nutrients, v. 14, n. 5146, p. 1-15, 2022.

SHAHIDI, F.; AMBIGAIPALAN, P. Omega-3 Polyunsaturated Fatty Acids and Their Health Benefits. Annual Review of Food Science and Technology. v. 9, p. 345-381, 2018.

TOCHER, D. R. et al. Omega-3 Long-Chain Polyunsaturated Fatty Acids, EPA and DHA: Bridging the Gap between Supply and Demand. Nutrients. v. 11, n. 89, p. 1-20, 2019.

WATANABE, Y.; TATSUNO, I. Prevention of Cardiovascular Events with Omega-3 Polyunsaturated Fatty Acids and the Mechanism Involved. The official journal of the Japan Atherosclerosis Society. v. 27, p. 183-198, 2020.

ZHANG, X. et al. Omega-3 Polyunsaturated Fatty Acids Intake and Blood Pressure: A Dose-Response Meta-Analysis of Randomized Controlled Trials. Journal of the American Heart Association, v. 11, p. 1-29, 2022.

5/5 - (1 voto(s))

Nutricionista pelo Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) e pós graduada em Comportamento Alimentar pelo Instituto de Pesquisas, Ensino e Gestão em Saúde (IPGS).

Experiência acadêmica em pesquisa científica e produção de conteúdos com embasamento científico. Trabalha com marketing de conteúdo, com foco na divulgação de informação de qualidade baseada em ciência sobre alimentação e suplementação.

Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + 16 =


The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.