4 dicas para escolher a melhor marca de Colágeno Tipo 2

| | ,

Se você deseja cuidar da saúde das suas cartilagens e articulações, provavelmente já sabe que o colágeno tipo 2 é a melhor opção.

Colágenos são um dos suplementos mais consumidos pelos brasileiros. Mas o que muita gente acaba não percebendo é que existem diferentes tipos de colágeno.

Conhecidos popularmente como Colágeno Tipo 1 e Colágeno Tipo 2, os quais possuem efeitos diferentes no nosso organismo. Mas só o colágeno tipo 2 serve para as cartilagens e articulações.

E como sabemos que no momento da compra, mil dúvidas aparecem, fizemos um passo a passo com 4 dicas para te ajudar a escolher a melhor marca de colágeno para as articulações e cartilagens. Confira:

1ª dica: Entenda a diferença do colágeno hidrolisado e peptídeos bioativos de colágeno hidrolisado

O colágeno hidrolisado não é igual ao peptídeo bioativo de colágeno, ele serve apenas como uma alternativa de proteína para a sua alimentação. Enquanto o peptídeo bioativo de colágeno hidrolisado é aquele que promove os benefícios específicos. 

Isso acontece porque ao consumirmos um colágeno hidrolisado, ele se quebra e vira uma molécula de proteína diferente do colágeno que temos naturalmente. Enquanto, o peptídeo bioativo é específico, por não se quebrar e manter afinidade com o colágeno em nosso corpo.

Mas além dos peptídeos, também existe a proteína não desnaturada de colágeno tipo 2, que também consegue ter esses mesmos benefícios:

  • Saúde das articulações e cartilagens
  • Melhora das dores na região das articulações
  • Melhora na realização de exercícios
  • Fortalecimento das articulações e cartilagens

No rótulo dos suplementos de peptídeos bioativos de colágeno tipo 2 ou da proteína não desnaturada de colágeno tipo 2, costumam apresentar o nome comercial da matéria-prima utilizada. 

Dica de ouro: Os melhores suplementos de colágeno tipo 2 são também fonte de proteínas, e para isso é incluindo peptídeos bioativos de colágeno hidrolisado tipo 1, como a matéria-prima Peptan. Portanto busque por um suplemento que tenha essa combinação de colágeno tipo 2 e 1. 

2ª dica: Saiba a diferença entre peptídeos bioativo e proteína não desnaturada de colágeno tipo 2

Peptídeos bioativos de colágeno tipo 2: São a menor partícula possível de um colágeno tipo 2. Esse tamanho muito pequeno de colágeno, permite com que ele chegue até a região das cartilagens e articulações sem perder sua função específica. 

Enquanto,

Proteína não desnaturada de colágeno tipo 2: Também passa por processos químicos que permitem que ela se mantenha específica para as cartilagens e articulações, sem sofrer alterações após o processo de digestão. O fato dela ser desnaturada, permite que a afinidade entre esse suplemento e a nossa cartilagem seja 100%. 

As duas principais matérias-primas dos suplementos de colágeno tipo 2 são B2Cool e UC II. Essa informação normalmente vem no rótulo do suplemento, se não tiver, basta entrar em contato com a marca e tirar a dúvida sobre qual é a sua matéria-prima. 

Nosso corpo é parecido com ruas, existem vários caminhos que podem chegar no mesmo lugar, e é essa a grande diferença entre um peptídeo bioativo de colágeno tipo 2 e uma proteína não desnaturada de colágeno tipo 2. Pois por caminhos diferentes em nosso organismo, elas vão conseguir o mesmo resultado de cuidar das suas articulações. 

3ª dica: Escolha o produto com os ingredientes certos e nas quantidades adequadas

Na hora de escolher a melhor marca de colágeno para as suas articulações, confira a lista de ingredientes. Pois nela deve conter os ingredientes que de fato irão te trazer os benefícios. Sendo eles: os peptídeos bioativos de colágeno hidrolisado e a proteína não desnaturada de colágeno do tipo 2.

Uma dica bacana é que a ordem das substâncias presentes no suplemento são informadas em ordem decrescente. Ou seja, os primeiros nomes são aqueles que estão presentes em maior quantidade seguido por aqueles em menor quantidade. E isso vale para qualquer produto, não apenas para suplementos.

Veja as variações de nomenclatura que você pode encontrar para o colágeno hidrolisado nos rótulos:

  • Colágeno hidrolisado + (nome da matéria prima).
  • Peptídeos bioativos de colágeno hidrolisado + (nome da matéria prima).

Já a proteína não desnaturada de colágeno tipo 2 pode ser encontrada descrita como:

  • Proteína não desnaturada de colágeno tipo 2 + (nome da matéria prima).
  • Proteína não hidrolisada de colágeno tipo 2 + (nome da matéria prima).
  • Colágeno tipo 2 + (nome da matéria prima).

ATENÇÃO:

As melhores marcas de colágeno tipo 2 são: “Peptídeos bioativos de colágeno tipo 1 + proteína não desnaturada de colágeno tipo 2 OU peptídeo bioativo de colágeno tipo 2” 

Essa é a combinação ideal, pois apenas dessa forma, além de cuidar das articulações, se torna também, um suplemento proteico. Outra dica legal é preferir aqueles que tenham pelo menos 10 g de proteínas informado no rótulo na sessão de “informações nutricionais”.

Os estudos mostram que para se ter resultados positivos com a suplementação de colágeno para as articulações, a dose e tempo mínimo de suplementação do colágeno tipo 2 é:

  • 40 mg de proteína não desnaturada de colágeno tipo 2.
  • Por no mínimo, 12 semanas (3 meses). 

Verifique no rótulo se o produto oferece essas quantidades na porção, 40 mg de colágeno tipo 2 (independente da matéria prima) e um total de 10 g de proteínas por dose.

4ª dica: Prefira produtos puros, isentos de aditivos 

Confira todos os itens presentes na lista de ingredientes do produto e evite aqueles que tenham outros ingredientes além da combinação ideal que te ensinamos. 

Os aditivos, são ingredientes que irão deixar o produto com maior prazo de validade, melhorar sabor ou até mesmo evitar que um suplemento em pó forme aqueles aglomerados difíceis de dissolver.

Entretanto, a longo prazo podem prejudicar a saúde com o desenvolvimento de doenças como diabetes e o aumento da pressão arterial que elevam o risco de infarto e outras doenças do coração e até mesmo aumenta o risco de desenvolver câncer. 

Já viu que é sério né? Portanto é fundamental que evite produtos com aditivos. Afinal, é justamente pensando na saúde que você está comprando esse colágeno, não é mesmo?

No geral, a melhor opção é o suplemento de colágeno sem sabor e sem aditivos, apenas com os peptídeos bioativos de colágeno e colágeno tipo 2.

DICA BÔNUS:

Por fim, vale ficar de olho também na marca do Colágeno Tipo 2. Isso porque esse é um suplemento vendido em pó e, por isso, é isento de registro próprio na ANVISA. O que significa que nem todas as embalagens são fiscalizadas pela ANVISA. 

Não avalie o produto apenas pelo preço. Procure por um que tenha as quantidades adequadas de colágeno tipo 2 e de proteínas, livre de aditivos e com uma matéria-prima de confiança!

Quer saber mais?

Que tal um desconto especial para experimentar o melhor suplementos de colágeno tipo 2?

Referências:

EFSA PANEL ON DIETETIC PRODUCTS, NUTRITION AND ALLERGIES (NDA). Scientific Opinion on the substantiation of a health claim related to VeriSol® P and a change in skin elasticity leading to an improvement in skin function pursuant to Article 13 (5) of Regulation (EC) No 1924/2006EFSA Journal, v. 11, n. 6, p. 3257, 2013.

ZDZIEBLIK, Denise et al. Improvement of activity-related knee joint discomfort following supplementation of specific collagen peptides. Applied Physiology, Nutrition, and Metabolism, v. 42, n. 6, p. 588-595, 2017.

LIAO, Chun-De et al. Effects of protein supplementation combined with resistance exercise on body composition and physical function in older adults: a systematic review and meta-analysis. The American journal of clinical nutrition, v. 106, n. 4, p. 1078-1091, 2017.

42 comentários em “4 dicas para escolher a melhor marca de Colágeno Tipo 2”

  1. Oi boa tarde gostaria de tirar uma dúvida. uma amiga minha tem dezoito anos ela se acha muito baixinha. Gostaria de saber se ela tomando o colágeno tipo 2 junto com atividades física ela vai conseguir aumentar a altura dela em alguns centímetros ? Ou qual o maior colágeno indicado ?

    Responder
    • Vanessa tanto o colágeno tipo 1 como o tipo 2 da Vhita, apresentam selos e certificados que atestam a qualidade do nosso produto, dá uma olhadinha.

      Responder
  2. Ola!
    Minha mãe tem 78 anos, 2 hérnia de disco e desgaste na cervical, sente muitas dores nas costas e nas pernas. Ela não pode tomar remédios fortes pq tem gastrite. O colageno tipo 2 é o indicado? Eu li numa matéria que pra ficar o colágeno é necessário a presença de vitamina C, e que outros minerais junto potencializam a fórmula (magnesio, zinco)
    Isso é verdade?

    Responder
    • Olá Wanda, tudo bem?

      Sim, o mais indicado é o Colágeno tipo 2! Ele é específico para melhora das cartilagens, estrutura óssea e cartilagens. Entretanto, toda suplementação deve ser acompanhada por um médico.

      E quanto mais puro for a composição melhor! Sem adição de aditivos 🙂

      Responder
  3. Bom dia.
    Fiquei com três duvidas após ler o texto acima:

    1-A Proteína não desnatura é igual a gelatina natural incolor?

    2-Toda gelatina natural incolor vendida em sachê em supermercado é do colegeno tipo 1 ou tipo 2?

    3-Na gelatina incolor , existe diferença da qualidade da proteína do colágeno, quando falamos em bloom ( propriedade fisica de geleificacao proprio das gelatinas incolores)?

    Responder
    • Saulo, tudo bem por aí?

      Vamos lá.

      A gelatina é a mesma questão do pé de galinha, não vai trazer os benefícios específicos para a pele, cartilagens e articulações. Apesar de até ter colágeno, diferente do pé de galinha que é um alimento natural, a gelatina merece atenção. Merece atenção pois é considerado um alimento industrializado, o qual costuma ser adicionado diversos aditivos químicos e açúcar. Então, se você gosta de consumir gelatina, independente dele trazer benefícios para a sua pele ou não, só faça uma boa escolha. Temos um post falando sobre esse assunto, veja:https://blog.vhita.com.br/pe-de-galinha-tem-colageno/

      Responder
    • Raquel, tudo bem por aí?

      Espondilose nada mais é do artrose! Para artrose você pode consumir colágeno tipo 2. ÁgilPlus é a combinação perfeita do colágeno tipo 2 ((B2Cool)) com peptídeos bioativos (colágeno hidrolisado – Peptan) específicos para as articulações e cartilagens. O efeito do ÁgilPlus já foi comprovado por vários estudos científicos e os resultados podem ser percebidos a partir de 12 semanas do consumo regular de 10 g diárias. Têm sabor neutro e é extremamente fácil diluir, portanto, pode ser misturado com sucos, iogurtes, leite ou água.

      Veja um post nosso sobre esse assunto: https://blog.vhita.com.br/colageno-tipo-2-para-prevenir-artrose/

      Você pode mostrar a página do ÁgilPlus da Vhita para seu médico e pedir para ele avaliar a possibilidade do consumo desse colágeno. Tenho certeza que você vai gostar! Veja a página: https://www.vhita.com.br/products/agilplus-colageno-hidrolisado-tipo-2

      Responder
    • Olá Aldiceia, tudo bem?

      Ambos pode tomar juntos sim! Em qualquer horário, evite apenas próximo as refeições para uma melhor absorção das proteínas 🙂

      Responder
    • Olá Patrick, tudo bem?

      A proteína não desnaturada de colágeno tipo 2 tem como função fortalecer e proteger as articulações e cartilagens no corpo humano. Ela atua impedindo e tratando desgastes e lesões causadas nos tecidos articulares e cartilaginosos.

      O colágeno tipo 2 não desnaturado é boa uma alternativa para quem busca prevenir lesões ou sofre com problemas nas articulações, como artrose e sobrepeso, que pode sobrecarregar as regiões que sofrem com maior impacto.

      Responder
  4. Boa tarde.

    Estou procurando por colágenos de peptídeos bioativos.
    Porém lendo sobre os assuntos, me surgiu uma dúvida, pois nos sites tenho lido também sobre colágeno verisol como citado neste mesmo site.

    O colágeno de peptídeos bioativos são os mesmos que o colágeno verisol?

    Grato.
    Reinaldo

    Responder
    • Oii Reinaldo, tudo bem?

      Ah vou te explicar direitinho.. O VERISOL é um nutriente natural com composição única de peptídeos bioativos de colágeno tipo 1, protegido por patente pela empresa alemã Gelita. É o colágeno mais avançado em termos de benefícios para a pele, tem a capacidade de direcionar a produção natural dos componentes da pele pelo próprio corpo. É o único que possui estudos que comprovam sua eficácia e os resultados podem ser observados a partir de 8 semanas de suplementação!

      Espero ter ajudado, se ficou mais alguma dúvida conte conosco!

      Responder

Deixe um comentário