Pular para o conteúdo
Home » Todos os posts » Spirulina emagrece? Veja o que diz a ciência!

Spirulina emagrece? Veja o que diz a ciência!

spirulina emagrece
7 minutos de leitura

A Spirulina é uma cianobactéria encontrada em águas doces, rica em proteínas, fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes. O que tem feito muitas pessoas pesquisarem se a Spirulina emagrece.

Em síntese, ela é tida como um superalimento, por conta das suas diversas propriedades nutricionais.

Havendo cerca de 60% a 70% de proteína, enquanto que a carne vermelha tem em torno de 27% e a soja 34%.

Por isso, a Spirulina é uma ótima opção para veganos, vegetarianos e pessoas que desejam ganhar massa muscular.

No entanto, o seu consumo deve ser moderado, sendo importante a orientação de um médico ou nutricionista.

Como a Spirulina ajuda na perda de peso?

Por ser fonte de proteínas e fibras, a Spirulina ajuda a prolongar a saciedade. Permitindo que o indivíduo tenha um maior controle alimentar e chegue ao déficit calórico.

Ou seja, que consuma menos energia do que o corpo gasta.

Por essa razão, a spirulina ajuda na perda de peso, desde que esteja associada a uma alimentação saudável e a prática regular de exercício físico.

Além disso, por ser rica em diversas vitaminas, minerais e antioxidantes, a Spirulina combate processos inflamatórios crônicos e atua na desintoxicação.

O que facilita o processo de queima de gordura e acelera o emagrecimento.

Em contrapartida, vale ressaltar que a spirulina não atua na perda de peso de forma direta.

Sendo necessário combiná-la a uma dieta balanceada e a prática adequada de exercício físico para aproveitar os seus benefícios no emagrecimento.

Quantos kg perde por mês com Spirulina?

Apesar da Spirulina ajudar na perda de peso, não há um número exato de quantos kg se perde por mês com o suplemento.

Podendo essa perda variar de pessoa para pessoa. Afinal, cada organismo pode responder de uma forma diferente ao produto.

De todo modo, o ideal é associar a spirulina a uma dieta apropriada para perda de peso e exercício físico. Assim, os resultados virão de forma mais rápida e eficaz.

Spirulina emagrece mesmo?

Até então, estudos apontam que a suplementação de Spirulina pode trazer benefícios para o processo de emagrecimento, como:

  • Melhora a ação da leptina, hormônio responsável pela sensação de saciedade;
  • Contribui na eliminação de toxinas no corpo;
  • Aumenta o número de microrganismos benéficos no intestino;
  • Favorece o bom funcionamento do fígado, órgão importante para a queima de gordura;
  • Combate a inflamação crônica, que pode dificultar a perda de peso.

Sendo assim, por mais que a spirulina não atue na queima de gordura diretamente, ela pode ser uma grande aliada no emagrecimento.

homem se pesando tdee o que é

Como usar a Spirulina para a perda de peso?

A spirulina pode ser encontrada em forma de pó, cápsulas, comprimidos ou tabletes.

Assim, a dose recomendada para emagrecer é de 1 a 8 gramas por dia, variando de pessoa para pessoa.

Neste caso, essa concentração pode ser ingerida tanto em dose única como dividida em 2 ou 3 cápsulas ao dia.

Devendo o consumo ser feito pelo menos 30 minutos antes das principais refeições (café da manhã, almoço e/ou jantar).

De todo modo, vale ressaltar que a spirulina deve ser consumida de acordo com as orientações de um médico ou nutricionista.

Quanto tempo a Spirulina leva para emagrecer?

O uso contínuo de spirulina pode começar a fazer efeito a partir da 12º semana de consumo.

No entanto, algumas pessoas podem ver resultados antes ou após esse tempo.

O que acontece se eu tomar Spirulina todos os dias?

Ao tomar Spirulina todos os dias, é possível obter benefícios, como maior disposição diária, melhora dos níveis de açúcar e colesterol no sangue, desintoxicação, maior controle do peso corporal e melhora do consumo de proteínas, vitaminas e minerais na dieta.

No entanto, é preciso ter atenção com a dose ingerida para evitar o consumo exagerado.

Em síntese, uma dose de 1,7 gramas por dia já é o suficiente para grande parte das pessoas.

Todavia, a dose recomendada de spirulina pode variar em torno de 1 a 8 gramas por dia.

Por isso, converse com o seu médico ou nutricionista para avaliar a melhor dose para o seu caso.

Pode tomar Spirulina em jejum?

Sim! A spirulina pode ser ingerida em jejum, em torno de 30 minutos antes do café da manhã.

Neste caso, o ideal é consumir o suplemento com água, a fim de garantir uma melhor absorção.

Pode tomar spirulina à noite?

Sim! Pode tomar spirulina à noite, não havendo nenhuma contraindicação em relação ao seu consumo no período noturno.

Neste sentido, a única recomendação é que se ingira o suplemento pelo menos 30 minutos antes do jantar para ter melhores resultados.

O que fazer para perder peso mais rápido?

1 – Beber água adequadamente

Beber água de forma adequada contribui consideravelmente para a perda de peso. Uma vez que a água preenche um volume maior no estômago, estendendo a saciedade e reduzindo a vontade de comer.

Além disso, a água é fundamental para diversos processos metabólicos que envolvem a queima de gordura. Por essa razão, o consumo hídrico inadequado pode dificultar o emagrecimento.

2 – Mastigar devagar

Mastigar bem os alimentos ajuda a aumentar a saciedade. Visto que o estômago recebe a comida aos poucos, dando tempo do cérebro perceber que não precisa de mais comida naquele momento.

Dessa forma, é possível ter um maior controle alimentar e uma saciedade mais duradoura. Além de uma melhor digestão.

3 – Praticar exercícios físicos

A prática regular de exercícios físicos ajuda a aumentar o gasto calórico diário, favorecendo a maior queima de gordura.

Neste caso, o ideal é combinar exercícios aeróbicos com treinamento de força, a fim de evitar flacidez e melhorar a composição corporal.

4 – Ter uma alimentação variada

Quanto mais opções de frutas, verduras, legumes e grãos integrais estiverem em sua alimentação, mais rápido será o seu emagrecimento.

Uma vez que você estará consumindo uma maior quantidade de nutrientes importantes para a perda de peso.

Quem não pode consumir spirulina?

  • Grávidas ou mulheres que estão amamentando;
  • Crianças;
  • Pacientes com doenças autoimune;
  • Indivíduos com fenilcetonúria;
  • Pessoas alérgicas a algas, frutos do mar ou qualquer ingrediente da composição.

Quer saber mais?

Referências

DINICOLANTONIO, J. J.; BHAT, A. G.; OKEEFE, J. Effects of spirulina on weight loss and blood lipids: a review. Open Heart. v. 7, p. 1-7, 2020.

SORRENTI, V. et al. Spirulina Microalgae and Brain Health: A Scoping Review of Experimental and Clinical Evidence. Marine Drugs. v. 19, n. 293, p. 1-12, 2021.

ZAMORA, C. et al.  Consumo de Spirulina spp. (Arthrospira) como una alternativa en la nutrición humana. Una Revisão bibliográfica. Revista de Investigación Académica sin Frontera. v. 10, n. 26, p. 1-28, 2017.

5/5 - (1 voto(s))

Nutricionista pelo Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) e pós graduada em Comportamento Alimentar pelo Instituto de Pesquisas, Ensino e Gestão em Saúde (IPGS).

Experiência acadêmica em pesquisa científica e produção de conteúdos com embasamento científico. Trabalha com marketing de conteúdo, com foco na divulgação de informação de qualidade baseada em ciência sobre alimentação e suplementação.

Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 4 =


The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.