Home » Ômega 3 para crianças

Ômega 3 para crianças

ômega 3 kids
7 minutos de leitura

Ômega 3 para crianças: conheça os benefícios

Você sabia que a alimentação da mãe tem um papel super importante em vários aspectos da saúde da criança?

Pois é! Para isso, o consumo de alguns compostos como o ômega 3 podem se destacar. 

Então, continue lendo, porque no post de hoje, nós vamos te contar o que as pesquisas já mostraram sobre a relação do ômega 3 com o desenvolvimento infantil. Bem como ele pode ajudar a evitar problemas futuros na saúde de quem você tanto ama. 

O que é ômega 3?

Antes de tudo, saiba que o ômega 3 não é uma vitamina! É uma gordura boa e essencial.

Dizer que é essencial, significa que o nosso corpo não é capaz de produzir o ômega 3. Portanto, ele precisa ser adquirido através de alimentos ou suplementos do nosso dia-a-dia. 

Importante destacar ainda que o ômega 3 é responsável por realizar diversas funções no nosso organismo. Como resultado, nos gera vários benefícios à saúde. Por isso que essa gordura é tão fundamental.

Por exemplo, ele melhora a função cerebral, protege o coração, previne alguns tipos de câncer, é usado no tratamento da ansiedade, da obesidade, do diabetes tipo 2, da depressão e ainda auxilia no bom desenvolvimento infantil.

E, é exatamente dos benefícios do ômega 3 para as crianças que falaremos adiante!

Criança pode tomar ômega 3?

Sim. O consumo do ômega 3 não tem contraindicações, sendo o uso recomendado para qualquer idade ou condição de saúde. Então, as futuras mamães também podem tomar o ômega 3 durante a gestação. 

Aliás, a suplementação de ômega 3 é amplamente recomendada, porque a maioria de nós, não consegue obter as quantidade mínimas dele todos os dias, apenas por meio dos alimentos.

Além disso, é difícil encontrar uma fonte de alimento confiável, que no dá a certeza da livre contaminação por metais pesados e das quantidades benéficas ao organismo.

Isso se torna ainda mais preocupante quando o público alvo são as crianças!

Porque, de modo geral, assim como os adultos, as crianças também não conseguem consumir ômega 3 em quantidade adequadas. Mas, elas precisam consumir!

Porque o ômega 3 atua de forma específica no bom desenvolvimento das funções cognitivas das crianças. 

Ômega 3 para gestantes

Os alimentos mais ricos em ômega 3 são os peixes de águas profundas e geladas como o salmão, o arenque e a anchova.

Embora tenhamos maravilhosos 9.200 km de costa litorânea, não temos o costume de comer peixes gordos todos os dias aqui no Brasil. 

Dessa forma, a maioria das grávidas não consomem quantidades suficientes de ômega 3 durante a gestação.

Além disso, durante a gestação e a amamentação é preciso consumir uma quantidade de ômega 3 que pode variar entre 600 a 1200 mg ao dia. Na maioria esmagadora dos casos, essa quantidade só é possível de ser adquirida através dos suplementos.

Vale ressaltar que tanto a gestação quanto a amamentação, são as etapas principais do desenvolvimento cerebral e visual da criança.

Nesse sentido, cientistas descobriram que as fórmulas infantis enriquecidas com o ômega 3 do tipo DHA podem ajudar no desenvolvimento mental quando a mãe que não conseguem amamentar.

E mais… o consumo do ômega 3 durante a gestação pode ajudar a evitar o parto prematuro e o baixo peso ao nascer.  

Ômega 3 na infância

O ômega 3 é tão importante para o desenvolvimento infantil que a deficiência dele pode prejudicar características atribuídas a inteligência, fala e audição. 

Para provar isso, várias pesquisas avaliaram os benefícios do ômega 3 em diferentes idades. Confira só os resultados adiante!

Ômega 3 para crianças de 9 à 12 meses:

Dos 9 aos 12 meses, a criança deixa de se alimentar só de leite e passa a comer cada vez mais a comida igual da família.

Lembrando que se você não come peixe todos os dias, com certeza ela  tem risco de deficiência de ômega 3. Então, cuidado! 

Nessa idade, a suplementar ômega 3 pode ajudar a criança a ficar mais esperta e atenta nas brincadeiras, além de protege-la contra pressão alta. 

Outra ponto é em relação a imunidade. O consumo do ômega 3 nessa fase pode deixar a criança mais resistentes a gripes e resfriados, as doenças bem frequentes da idade.

Ômega 3 para crianças de até 4 anos:

A partir de 1 ano, até os 4 anos de idade, é a fase em que a criança começa a andar e a falar.

Corresponde aquela fase incrível em que ficamos na expectativa de qual palavra vai falar primeiro, bem como será seu repertório de frases ou palavras originais, algumas tão originais que só os pais entendem!

Mas, vejam só que interessante! Nessa fase, o ômega 3 é um importante aliado. Ele pode ajudar tanto no desenvolvimento da audição quanto da fala.

Ou seja, ele auxilia na melhora da capacidade da criança de escutar, e ainda pode facilitar seu vocabulário, isto é, a forma como ela aprende novas palavras. 

Ômega 3 para crianças de 7 a 12 anos:

Dos 7 aos 12 anos, é a fase em que as crianças iniciam a alfabetização.

Vão para a escola, começam a ler e a escrever, e interagem fortemente com outras crianças. 

Nessa fase devemos observar as características que possam prejudicar o aprendizado e a interação.

Como a dificuldade que algumas crianças podem ter para se concentrar e de manter o foco, ou ainda o comportamento hiperativo e mudanças bruscas no humor.

Novamente, o ômega 3 se mostra como um aliado. Pesquisam apontam que o consumo regular do ômega 3 pode ajudar a aumentar o tempo de leitura e reduzir a ansiedade nessas crianças. 

Nenhum efeito adverso da suplementação de ômega 3 foi observada até então para a saúde de crianças, sendo segura e recomendada com doses entre 500 mg a 1000 mg ao dia.

 Ômega 3 para crianças com o Transtorno do Espectro Autista (TDA)

Atualmente, um grupo de pesquisadores chineses publicaram uma revisão que incluía mais de 30 estudos sobre o tema.

Dessa forma, analisaram o efeito do consumo do ômega 3 em mais de 100 crianças com TDA.

Os resultados foram animadores! Pois, vários benefícios foram apontados.

Por exemplo, melhora na hiperatividade, melhora de sinais de cansaço e reações típicas como, por exemplo, a repetição contínua de movimentos.

No entanto, esse estudo não encontrou melhora de resposta social apesar de melhorar os demais sintomas.

Ômega 3 e o desenvolvimento infantil

Por fim, para as gestantes, as lactantes e as crianças, a suplementação de ômega 3 apresenta diversos benefícios como desenvolvimento social e emocional, como:

  • Reduz risco de parto prematuro e baixo peso ao nascer
  • Diminui comportamentos de timidez e ansiedade;
  • Auxilia no desenvolvimento cognitivo;
  • Fortalece a imunidade;
  • Amplia as capacidades intelectuais.

O quanto de ômega 3 tomar varia de acordo com a faixa etária, por isso, é importante conversar com seu médico ou nutricionista antes de iniciar a suplementação tá bom?

Além de te indicar a dose correta ele ainda pode te ajudar ao que observar na hora de escolher um bom produto. Pois, afinal, ômega 3 não é tudo igual. 

Quer saber mais?

Referências:

GONZÁLEZ, FE; BÁEZ, RV. IN TIME: Importância dos ômega 3 na nutrição infantil. Revista Paulista de Pediatria, v. 35, n. 1, p. 3-4, 2017.

CHENG, Yu-Shian et al. Supplementation of omega 3 fatty acids may improve hyperactivity, lethargy, and stereotypy in children with autism spectrum disorders: A meta-analysis of randomized controlled trials. Neuropsychiatric disease and treatment, v. 13, p. 2531, 2017.

VHITA. Benefícios do ômega 3: Tudo o que você precisa saber. Blog Vhita. São Paulo, 21 de maio de 2019. 

Nutricionista e Mestre em Ciências pela UNIFESP.

Experiência acadêmica em pesquisa científica. Atua como professora convidada em cursos de graduação e pós graduação na área da saúde.

Profissional com sólida formação em pesquisa e inovação. Atua na interseção entre o desenvolvimento de produtos com base em ciências e inovação para a saúde, e o marketing de conteúdo.

Marcações:

34 comentários em “Ômega 3 para crianças”

    1. Mirian, tudo bem?

      Crianças podem sim tomar ômega 2 a partir de 6 meses de ideia. É um tratamento para o seu organismo, prevenindo inflamações, doenças crônicas e melhorando sua imunidade, por tempo indeterminado! Quanto ao consumo, recomendamos a dosagem de 1 cápsula do ômega 3 da Vhita. Você pode estourar a cápsula e colocar no suco, por exemplo. É uma forma mais fácil de fazer a criança ingerir o ômega 🙂

    1. Fernanda, tudo bem por aí?

      O tratamento com o consumo do ômega 3 pode ser feito durante toda a vida! Na verdade, é até recomendado que não se pare de tomar o suplemente, exatamente porque o uso dele é um tratamento para o seu organismo, prevenindo inflamações, doenças crônicas e melhorando sua imunidade. Essa recomendação pode ser seguida tanto para crianças como para adultos. Importante: o ômega 3 é contraindicado para indivíduos com hemofilia ou que tenham qualquer outro problema relacionado a coagulação sanguínea, para gestantes sem acompanhamento médico ou de nutricionista e para alérgicos a peixe, pois é extraído do animal. Pessoas com prótese cardíaca também devem evitar o consumo do nutriente.

    1. Carla, tudo bem por aí?

      O tratamento com o consumo do ômega 3 pode ser feito durante toda a vida de qualquer pessoa! Na verdade, é até recomendado que não se pare de tomar o suplemente, exatamente porque o uso dele é um tratamento para o seu organismo, prevenindo inflamações, doenças crônicas e melhorando sua imunidade. Essa recomendação pode ser seguida tanto para crianças como para adultos. Para criança de 11 anos, o ideal é o consumo de 1 capsula do Ômega 3 da Vhita! Importante: o ômega 3 é contraindicado para indivíduos com hemofilia ou que tenham qualquer outro problema relacionado a coagulação sanguínea, para gestantes sem acompanhamento médico ou de nutricionista e para alérgicos a peixe, pois é extraído do animal. Pessoas com prótese cardíaca também devem evitar o consumo do nutriente.

      Dá uma olhadinha da página do ômega 3 da Vhita: https://www.vhita.com.br/products/omega-3-capsulas

    1. Vilma, tudo bem por aí?

      O tratamento com o consumo do ômega 3 pode ser feito durante toda a vida! Na verdade, é até recomendado que não se pare de tomar o suplemente, exatamente porque o uso dele é um tratamento para o seu organismo, prevenindo inflamações, doenças crônicas e melhorando sua imunidade. Essa recomendação pode ser seguida tanto para crianças como para adultos. Importante: o ômega 3 é contraindicado para indivíduos com hemofilia ou que tenham qualquer outro problema relacionado a coagulação sanguínea, para gestantes sem acompanhamento médico ou de nutricionista e para alérgicos a peixe, pois é extraído do animal. Pessoas com prótese cardíaca também devem evitar o consumo do nutriente.

        1. Bebês, crianças e adolescentes podem e devem tomar ômega 3, pois o consumo do suplemento ajuda do desempenho do sistema nervoso, nas atividades cognitivas e comportamentais. Para crianças de:
          9-12 meses: protege a pressão arterial, a imunidade, e melhora desenvolve melhor os aspectos cognitivos;
          até 4 anos: melhora na compreensão auditiva e na aquisição de vocabulário;
          de 7 a 1 2 anos: diminuição da ansiedade, déficit de atenção ou hiperatividade.
          Para crianças de até 12 anos, é recomendado uma dosagem de 1 cápsula do ômega 3 da Vhita, ao dia. Não existe um tempo determinado para o consumo, mas se trata de um tratamento, ômega 3 pode ser consumido por toda a vida 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *